Canções De Roda, Lenga Lengas E Outras Que Tais Agora Em CD

Já está disponível o álbum que nos fará regressar à nossa infância na voz de Ana Bacalhau, Vitorino, Sérgio Godinho e Jorge Benvinda. Chama-se Canções de Roda, Lenga Lengas e Outras que Tais. Entre canções de roda, histórias e lenga lengas somos levados a viajar até aos tempos da nossa infância, despertando as mais longínquas recordações.

A estes intérpretes juntou-se o pianista Filipe Raposo, autor dos arranjos, o guitarrista Luís Peixoto, o baixista António Quintino e o baterista Quiné Teles e ainda Cláudia Guerreiro com as suas maravilhosas ilustrações.

O álbum reúne 20 canções que fazem parte da memória dos portugueses, como as populares “Tia Anica de Loulé”, “Oliveirinha da Serra”, “Canção de embalar”, de José Afonso, e temas dos próprios músicos, como “Coro das Velhas”, de Sérgio Godinho, e “Queda do império”, de Vitorino. Incluídas estão também três histórias, escritas e ditas por Ana Bacalhau, Sérgio Godinho e Vitorino.

Na origem deste álbum está um convite feito pelo promotor António Miguel Guimarães para um espetáculo inédito no festival Sol da Caparica, feito em 2016 (veja aqui a reportagem). Na altura, no projeto entrou Samuel Úria que, agora em disco, deu a vez a Jorge Benvinda, ainda que tenha lá deixado também uma canção, “A Valsa do Afonso”.

Segundo Ana Bacalhau, foram escolhidas “canções fortes, que fossem muito conhecidas musicalmente por todos, e que fosse interessante trabalhar”.

Numa altura em que os mais novos não dispensam o uso de telemóvel e de colunas portáteis para ouvir música em qualquer lugar, os três músicos sublinham a necessidade de se preservar uma memória e uma partilha em contexto familiar, tal como aconteceu com eles. “É essa coisa da transmissão oral para criar ligações afetivas”, sublinhou Ana Bacalhau.

Jorge Benvinda, Ana Bacalhau, Vitorino e Sérgio Godinho, acompanhados daqueles quatro instrumentistas, vão fazer vários concertos nos próximos meses. Estão marcados pelo menos passagens por Loulé em junho e Évora em setembro.

O CD é vendido em formato livro, capa rija, pelo preço de 15 euros, e tem o selo da Universal.

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.