Aventuras da Disney no gelo passaram por Lisboa este fim-de-semana

Reportagem de Tânia Fernandes (texto) e Sara Santos (fotografias)

disney-2

Pela quantidade de cabeças com orelhas redondas, pretas e salientes por metro quadrado confirmamos que estamos no sítio certo. Apesar da avançada idade de 85 anos, o Mickey continua a ser uma das figuras de eleição dos mais pequenos. Pelo menos, em devoção suficiente para encher o Pavilhão Atlântico durante os dois dias do passado fim de semana, num total de três sessões. O Mickey, a Minnie, o Donald, a Margarida e o Pateta apertaram bem os patins aos pés e demonstraram que um recinto de gelo é um excelente local para contar histórias!

Este espetáculo do Disney on Ice começa na Savana Africana. Os personagens estão vestidos de exploradores e dispostos a fazer um safari fotográfico. Pelo grito de guerra que abre este virar de página, percebe-se que a primeira história éd o Rei Leão. Começa com um Simba pequeno e traquina a cantar “Eu mal posso esperar para ser Rei” e passa pela famosa “Hakuna Matata” com um enorme grupo de macacos patinadores acrobatas. Simba cresce, torna-se Rei e esta aventura muda de capítulo. O Pateta surge com uma estranha embarcação e todos os amigos mergulham no fundo do mar. Surgem as conchas e um caranguejo que em ritmo animado põe toda a plateia a bater palmas. Das conchas saem as filhas de Tritão, para encanto de todas as meninas que assistem. A última a surgir, como toda a estrela que se preze é Ariel, a pequena Sereia.

disney-17

A coreografia do fundo do mar é muito colorida e cheia de animação: há peixes, cavalos marinhos, um sapo, estrelas do mar e duas medusas que ora dançam em passos bem coordenados, ora desfilam em cortejo. Sorte tiveram as crianças que, selecionadas através de um passatempo, ganharam um Passaporte para esta Aventura e fazem parte do número, a bordo do submarino mágico do Pateta. Mas este fundo do mar esconde alguns perigos, como provam o aterrador polvo e as moreias que vêm atormentar Ariel. O susto dura apenas os instantes que mediam a chegada do príncipe que, fazendo juz ao nome, resolve num instante todos os tormentos das personagens.

Entretanto o Mickey e a Minnie trocaram as vestes por roupas mais leves, de praia e de toalha ao ombro, levam-nos para terras do Pacífico Sul, como ilustram as bailarinas de Hula-Hula que surgem a abanar a anca. Lilo & Sticht é o episódio que se segue, com direito a invasão de extra-terrestres e mensagem da importância da Familia. Esta passagem pelo Havai, dá direito a bailar ao som de Elvis Presley e a uma cena final de grande festa na praia com Stitch a tocar ukelele para aqueles que são agora “a sua familia”.

disney-1-2O último episódio deste Disney on Ice – Passaporte para a Aventura é sobre a história de Peter Pan e entre acrobacias, piruetas e coreografias, todos ficam deslumbrados com os efeitos especiais. Há fogo de artifício, Peter Pan “voa” por cima da assistência com Wendy, os irmãos e Sininho. E o Capitão Gancho é do mais temível possível, ou nem por isso… pois facilmente cai em desgraça, para grande regozijo dos presentes. É excelente o momento de entrada do barco dos piratas do recinto e movimentação muito bem coordenada dos piratas no espaço. Visto de cima, é a sensação de ter uma tela viva à frente.
“Nunca se esqueçam da parte de nós que nunca deve crescer” diz o Peter Pan antes de se despedir. Recado para grandes e pequenos que durante quase duas horas de espetáculo puderam viajar de sonho em sonho.
 

 

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.