As Filhas Do Capitão De María Dueñas Chega Às Livrarias Amanhã

A Porto Editora lança amanhã o novo romance histórico As Filhas do Capitão, de María Dueñas, autora do romance de sucesso O Tempo Entre Costuras.

Dez anos após a publicação do best-seller O Tempo Entre Costuras, romance de estreia da autora espanhola, adaptado para televisão, María Dueñas apresenta n’ As Filhas do Capitão, uma narrativa “que celebra a coragem e a resiliência dos emigrantes e, em particular, as mulheres”.

O livro, escrito com detalhe histórico, transporta o leitor a um dos enclaves da colónia espanhola em Nova Iorque, nos anos 30. A morte do dono do restaurante El Capitán obriga as suas filhas, Victoria, Mona e Luz Arena a rumarem à grande cidade americana, enfrentando os desafios da emigração, numa luta pela sobrevivência, numa sociedade machista.

Nova Iorque, 1936.
O pequeno restaurante O Capitão abre as portas na rua 14, um dos enclaves da colónia espanhola que sobrevive na grande cidade americana.
A morte acidental do seu dono, o libertino Emilio Arenas, obriga a que as suas filhas indomáveis – filhas também da loucura dos anos 20 – assumam as rédeas do negócio, enquanto nos tribunais se resolve a herança.
Abatidas pela súbita necessidade de sobreviver, as temperamentais Victoria, Mona e Luz Arenas abrirão caminho através das adversidades, decididas a transformar um sonho em realidade.

O livro conta-nos a história de três jovens espanholas que se vêem obrigadas a cruzar um oceano, instalando-se numa cidade deslumbrante, e lutando com bravura para encontrar um caminho.

Baseado numa história real, “este romance é também um tributo a todas as mulheres que resistem, mesmo quando os ventos sopram em desacordo, e uma homenagem aos valentes que viveram – e vivem – a aventura, simultaneamente épica e quase sempre incerta, da emigração”.

María Dueñas é autora de, para além de O Tempo Entre Costuras, incluído no Plano Nacional de Leitura, As Vinhas de La Templanza (Porto Editora, janeiro 2019), que está a ser adaptado ao pequeno ecrã e tem estreia prevista para 2020, e Recomeçar (Porto Editora, junho 2019).

As Filhas do Capitão – Três Irmãs, Dois Mundos, Uma Cidade tem 576 páginas e um custo de 18,80 euros.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.