As Caras De Lisboa – Video Mapping No Terreiro Do Paço

Texto de Elsa Furtado e Fotos de António Silva

Até dia 14 de agosto As Caras de Lisboa vão dar vida às fachadas dos edifícios do Terreiro do Paço, em Lisboa, todas as noites.

O espetáculo de vídeo mapping deste ano é inspirado na história e vida da cidade,e homenageia personagens como a varina, o mestre calceteiro ou o amolador, quer no passado quer nos dias de hoje, a sua evolução e transformação.

A projeção é  acompanhada por música e abrange toda a extensão da fachada onde se situa o Arco da Rua Augusta, com histórias paralelas que se vão cruzando.

O início remete para o fantástico, com o mar a engolir o Terreiro do Paço, com a Ala Norte transformada em coral, à imagem da Atlântida submersa. Neste início poderoso e fantástico, o espetador é levado a nadar com os peixes entre os corais até ao momento em que chegam ao cesto de vime da varina que apregoa na praça e no mercado.
Daqui a viagem prossegue por um bairro de Lisboa, com as suas casas de variadas cores, assistimos ao seu despertar perante a chegada do amolador na sua velha bicicleta. De histórias paralelas saltamos para os trabalhos na calçada, onde mestres calceteiros ganham vida e ligam, não só os passeios de Lisboa, como também as suas gentes. Linhas de carris aparecem agora em destaque, abrindo caminhos de um lado ao outro de uma rua e onde elétricos enchem a fachada e dando origem a um cabo de aço, onde imagens da construção da Ponte 25 de Abril, que este ano comemora o seu 50º aniversário, aparecem em destaque.
Mais além, a sua projeção no futuro onde as caras de Lisboa e suas profissões fazem a ponte – desde lavadeiras, ardinas, calceteiros, até às modernas tecnologias adaptadas aos transportes públicos, como o metro, ou através das telecomunicações – somos levados desde elementos do passado até às novas tecnologias e empreendedorismo do presente, em múltiplas caras com que Lisboa nos brinda.

O espetáculo é uma produção da Bridge com criação da Grandpas’s Lab e uma iniciativa conjunta da Associação Turismo de Lisboa, Câmara Municipal de Lisboa e EGEAC.

As projecções têm a duração de 15 minutos, e vão ter lugar até 14 de agosto, às 21h45, 22h30 e 23h15. E no dia 7 apenas às 22h30 e às 23h15. Sempre com entrada livre.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.