António Chainho Celebra 50 de Carreira Com Cumplicidades

antonio_chainhoCom 77 anos,  completos a 27 de janeiro, António Chainho celebra 50 anos de cumplicidade com a Guitarra Portuguesa como compositor, solista, instrumentista acompanhante e produtor de várias gerações de fadistas.

Cumplicidades, projeto e álbum com edição Sony Music Entertainment, tem data de lançamento agendada para 16 de março e marca uma visão muito própria do lugar da Guitarra Portuguesa na música. Rui Veloso, Pedro Abrunhosa, Paulo de Carvalho, Ana Bacalhau (Deolinda), Sara Tavares, Fernando Ribeiro (Moonspel), Hélder Moutinho e Paulo Flores interpretam uma nova composição.

“Aprender a sorrir” com Vanessa da Mata é o single de estreia do novo trabalho, que contém mais de uma dezena de novas canções originais, com a colaboração de Ana Vieira e Filipa Pais ou de instrumentistas como o acordeonista Kepa Junquera ou o trompetista Raul D’Oliveira, entre outros.

Cumplicidades é também o mote para os concertos de comemoração dos 50 anos de carreira de António Chainho, que terão lugar no CCB em Lisboa, e no Coliseu do Porto, a 10 e 11 de abril, respetivamente.

Até lá, e depois da passagem por Évora e Beja nos últimos dias de janeiro, Cumplicidades vai andar  por outras paragens: no Cine Teatro de Estarreja a 21 de fevereiro, no Cine Teatro Louletano a 28 de fevereiro e no Cine Teatro em Torres Vedras a 14 de março.

Os bilhetes já podem ser adquiridos nos locais habituais e variam consoante o local.

Texto de Madalena Travisco

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.