Adega Mayor Inova Com Sem Título E Apresenta Nova Imagem

Por Elsa Furtado (Texto e Fotos)

Faz parte de um dos grupos nacionais mais conceituados, quer a nível nacional quer internacional, parte do nosso imaginário popular, e associada a uma conhecida família portuguesa com raízes alentejanas, falamos da Adega Mayor, do grupo e família Nabeiro.

A marca Adega Mayor nasceu há 10 anos, juntamente com os vinhos alentejanos produzidos em Campo Mayor e comercializados pelo grupo Nabeiro, desde então a marca tem vindo a crescer e a inovar, sempre com Rita Nabeiro – neta do Comendador Rui Nabeiro à sua frente.

Agora, uma década volvida, a marca volta a surpreender com uma nova imagem, mas a mesma qualidade e sabor de sempre, e várias novidades. Para dar a conhecer a nova imagem, a Adega Mayor abre hoje uma Pop-Up Store em pleno Chiado, na Capital, que convida a “Abrir os Sentidos”.

O novo espaço, que vai funcionar até dia 30 de julho, foi baptizado de Sem Título, e vai ter a funcionar um restaurante no piso inferior e um wine bar no piso superior, onde vai ser possível provar e conhecer todos os vinhos da marca, dos brancos aos tintos, passando pelos rosés, terminando (ou começando nos espumantes), sem esquecer o licoroso Orionte.

Na preparação do restaurante, decorado de forma simples (branco nas paredes, frases soltas espalhadas pelos espaços), mas remetendo para o Alentejo (como um painel de flores de papel na entrada), Campo Mayor e os vinhos da marca, Rita Nabeiro e a sua equipa contou com a colaboração do Chefe Nuno Bergonse.

Em conversa com o C&H, o Chefe disse que “Este foi um grande desafio, mas muito bom, tendo sido um prazer fazer parte deste projecto e trabalhar com esta família tão especial e que tem muito respeito pelos outros”.

Para preparar os dois menus (fixos) que os clientes vão poder provar ao longo deste mês, o primeiro durante os primeiros 15 dias, e o segundo nos outros quinze, Nuno Bergonse provou 12 vinhos, e o resultado final é um menu com 5 pratos (alguns confeccionados com vinhos Adega Mayor) e 4 vinhos por menu. “Aqui o maior desafio foi mesmo a escolha das sobremesas”, confessou o Chefe.

Estes pratos são verdadeiras obras de arte, havendo inclusive um deles, em que o “talher” vai ser um pincel, desvendou Rita Nabeiro, durante a apresentação.

O valor de cada “experiência” gastronómica é de 35 euros por pessoa e inclui couvert, entrada, dois pratos principais, sobremesa, café e todos os momentos são acompanhados pelas diferentes gamas Adega Mayor.

As estrelas líquidas do espaço vão ser a gama Adega Mayor Caiado – que vai abrir os sentidos à imaginação; a gama Adega Mayor Reserva e Adega Mayor Seleção – Abrem os sentidos aos instantes; e a gama dos vinhos monocasta, assumem o nome da respetiva casta. Adega Mayor Touriga Nacional/ Adega Mayor Verdelho/ Adega Mayor Pinot Noir/ Adega Mayor Pinot Gris/ Adega Mayor Viognier – Abrem os sentidos à melodia. A gama Adega Mayor Reserva do Comendador – Abre os sentidos às palavras; enquanto a gama Adega Mayor Grande Reserva Pai Chão – Abre os sentidos às palavras. A gama Adega Mayor Espumante – Abre os sentidos aos detalhes.

Até ao final do ano a marca convida a “Abrir os sentidos”, com a introdução das novas colheitas, que vão chegar gradualmente ao mercado até ao final do ano.

O Sem Título vai funcionar de 28 de junho a 30 de julho, de quarta-feira a sábado para jantares, das 18h30 às 00h00 e aos domingos para almoços das 12h00 às 15h00. As reservas para as refeições podem ser feitas via online ou telefónica, através do site www.semtitulo.pt ou do número 216 040 375.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.