A Filha do Regimento regressa ao São Carlos

a_filha_do_regimentoO Teatro Nacional de São Carlos apresenta entre 4 e 10 de novembro A Filha do Regimento, ópera cómica de Gaetano Donizetti.

A obra do compositor italiano regressa ao palco lisboeta, por onde passou em 1989, agora numa nova produção encenada por Mário Redondo e com direção musical de Rui Pinheiro. Ao elenco encabeçado por Cristiana Oliveira e Alessandro Luciano juntam-se o Coro do Teatro Nacional de São Carlos,  e a Orquestra Sinfónica Portuguesa.

A Filha do Regimento – no original, La Fille du Régiment – conta a história de Marie, que abandonada em criança é adotada pelo 21º regimento das hostes napoleónicas. Entretanto, uma velha marquesa descobre que Marie é a sua sobrinha desaparecida e resolve acolhê-la. Mas a jovem não consegue ser feliz longe do exército e de Tonio, que lhe implora que abandone tudo e parta com ele.

A ópera de Donizetti está em cena nos dias 4, 6 e 8 de novembro, às 20h00, e no dia 10 às 16h00. Os bilhetes custam entre 20 e 50 euros e encontram-se à venda nos locais habituais.

Texto de Alexandra Gil

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.