8ª Edição Do Festival Literário Da Madeira É Dedicado Ao Jornalismo E Literatura

A 8ª edição do Festival Literário da Madeira (FLM) vai decorrer de 13 a 17 de março, no Teatro Municipal Baltazar Dias, dedicado ao tema “Literatura e Jornalismo, a palavra que prende e a palavra que liberta”.

Nesta edição vai se falar e debater o potencial da palavra, que é explorado em diversos registos. “O jornalismo e a literatura, aparentemente antagónicos, são dois exemplos.
O jornalismo reflecte a actualidade, através de uma linguagem denotativa e de relação próxima com os factos. A qualidade da democracia depende da independência dos seus executantes”.

Durante cinco dias vários autores, entre alguns que também são jornalistas, estarão no Funchal a debater sobre como se distanciam ou aproximam da atualidade. Entre os nomes já confirmados estão Ottessa Moshfegh, escritora norte-americana vencedora do Prémio PEN/Hemingway (2016); Eleanor Catton, autora neozelandesa e a mais jovem a receber o Man Booker Prize (2013) e Sofi Oksanen, escritora finlandesa vencedora do Prémio Femina (2010) e do Prémio Nórdico da Academia Sueca (2013).

O concerto deste ano vai estar a cargo da fadista Aldina Duarte, que atua no dia 16, no Teatro Municipal Baltazar Dias. O espetáculo está marcado para as 21h30 e os bilhetes custam 20 euros, e podem ser adquiridos no local.

A organização do FLM está a cargo da associação ECA – Eventos Culturais do Atlântico.

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.