Visite a Cidadela de Cascais durante este mês

Até 26 de fevereiro a Câmara Municipal de Cascais promove um programa de Roteiros de Património no Palácio da Cidadela, que permitirá aos visitantes conhecer os acontecimentos e as figuras que marcaram a história deste edifício emblemático, sob diferentes perspetivas, a real, a militar e a religiosa, consoante as funções que desempenhou e os seus ocupantes.

Construída logo após a Restauração, em 1640, a Cidadela de Cascais tem presenciado vários acontecimentos nacionais. Destruída em parte pelo terramoto de 1755i foi reerguida logo depois. Ocupada pelas tropas de Junot, serviu de prisão política durante o Miguelismo e, foi impotente contra o avanço, em 1831, dos navios franceses do almirante Albin Roussin. As casas do seu governador foram transformadas em paço real e mais tarde em palácio presidencial. Quando ocupada pela família real, as festas que promovia eram sempre o ponto alto das festividades de veraneio da alta aristocracia, a banhos em Cascais. Durante séculos teve uma função militar, hoje está prestes a abrir portas como hotel de luxo.

A 11 de fevereiro realiza-se a visita O mobiliário do palácio revivalismos e ecletismos, a 12 de fevereiro o tema é a Morte do rei D.Luis na Cidadela de Cascais, a18 de Fevereiro a temática é 1580: A tomada de Cascais por Filipe II,  no dia 19 conhecem-se melhor os Interiores da Cidadela em tempo do rei D. Luis, a 25 é a vez de Uma visita à história de Cascais e do Palácio da Cidadela, e à tarde A Capela de Nossa Senhora da Vitória e o culto a Santo António, a 26 são apresentadas as Festividades reais no Paço da Cidadela, de manhã  e da parte da tarde  A Cidadela de Cascais- um percurso com quase 4oo anos, encerrando o ciclo.

A entrada é gratuita mediante inscrição prévia. As visitas são às 10h30, as visitas da tarde são às 15h00.

Texto de Clara Inácio

Deixar uma resposta