Viena veio a Lisboa para noite única no S. Carlos

Viena veio a Lisboa e apresentou-se no Teatro Nacional de São Carlos, para uma noite única, na passada sexta-feira, dia 27 de Fevereiro. A Gala Vienense encheu a sala principal do teatro lírico nacional e encantou todos os presentes com os ritmos e melodias, do século XIX, da capital austríaca.tnsc

As composições da família Staruss estiveram em destaque, com as valsas e as polkas e excertos da opereta The Fliedermaus – O Morcego, de Johann Strauss, executadas pela Orquestra Sinfónica Portuguesa, sob direcção do maestro austríaco Ralf Weikert e pelo Coro do Teatro Nacional de São Carlos, dirigido pelo maestro convidado Anton Tremmel, numa noite muito “especial” que contou ainda com a presença da soprano Alexandra Reinprecht e do tenor Herbert Lippert, ambos austríacos.

O programa da noite foi muito variado e animado. Excertos da Princesa das Czaradas, dogala-vinense1 Barão Cigano, do Morcego e da Viúva Alegre, de Franz Lehár, foram algumas das obras interpretadas pelos artistas que encantaram o público, arrancando vários “Bravo, Bravo” da audiência aquando as interpretações da solista e do tenor austríacos.

Também o maestro Ralf Weikert conseguiu por o público a cantar e a bater palmas,  numa ilustração perfeita de que a música clássica pode ser divertida, alegre e para todas as idades, como na interpretação de Im Krapfenwaldl, op 336, de Johann Strauss II.

Outro dos pontos altos da noite foi a interpretação do excerto Walzerklang do Wiener BlutSangue Vienense – Final II, nº11, que o público tanto aprecia e que se tornou símbolo da capital do Império austro-húngaro, como bem diz a música:

Viena tem um símbolo,

conhecido pelo mundo fora:

chama-se valsa,

e fascina por magia,

é ela que a dá a Viena a nomeada.

O fulgor da festa

só será plenamente coroado

dançando-se ao som de uma valsa vienense!

A gala terminou com vários encores, numa ilustração plena do sucesso da noite e do apreço do público português por este tipo de música.

1 Comentário

Deixar uma resposta