Vasco Graça Moura apresenta Lusíadas para gente nova

Gradiva lança Lusíadas para gente nova, de Vasco Graça Moura, com o apoio do Plano Nacional de Leitura. Vasco Graça Moura dialoga, em verso, com o texto camoniano clarificando e aclamando o canto originário.  Através de um perfeito equilíbrio entre a reescrita modernizadora e a fidelidade à estrutura e aos significados da epopeia de Camões, Vasco Graça Moura assina uma obra indispensável a professores, educadores e jovens, para a compreensão fluída, correcta e abrangente de Os Lusíadas de Luís Vaz de Camões pelas novas gerações.

Vasco Graça Moura prepara os Lusíadas para os mais novos, reduzindo-lhes a extensão em cerca de dois terços, estruturando os episódios mais conhecidos em termos mais simples, procurando explicar, comentar, interpretar de forma acessível as passagens principais da epopeia, mas fazendo-o também em oitava rima de matriz camoniana, de modo a que os leitores mais novos possam «entrar» mais fácil e amenamente na matéria do poema assinalando em itálico tudo o que corresponde à autoria camoniana (estâncias, partes de estâncias, simples versos ou fragmentos deles); e em redondo tudo o resto.

Os Lusíadas para gente nova é uma espécie de guia de leitura desta obra incontornável da língua portuguesa, de modo a introduzir os mais pequenos na época, na linguagem e no modo de escrever  camoniano.

Vasco Graça Moura é poeta, ficcionista, ensaísta, cronista e tradutor de poesia, com uma vasta bibliografia publicada e tem sido distinguido com prémios, como o Prémio Pessoa (1995), a Coroa de Ouro do Festival Internacional de Struga (2004), o Prix Max Jacob Étranger (2007), o Premio Nazionale di Traduzione italiano (2009), os Grandes Prémios de Poesia (1998) e de Romance e Novela (2004) da Associação Portuguesa de Escritores, e os Prémios Paulo Quintela, da Universidade de Coimbra (2006), e Vergílio Ferreira.

Os Lusíadas para gente nova, de Vasco Graça Moura, da Gradiva, à venda pelo preço de 10 euros.

Texto de Clara Inácio

Deixar uma resposta