Super Bock Super Rock: Dia 3 – Empire of the Sun

Vindos directamente da Austrália, com apenas um álbum no bolso, Walking on a Dream, os Empire of the Sun eram uma das bandas mais aguardadas do Super Bock Super Rock, onde fizeram um senhor espectáculo, com vestimentas, jogos de luz e bailarinas.

Foi o último concerto e o pó fez questão de levantar logo na primeira música. Chegaram para vencer, e venceram. Auto-didactas e originais, fizeram não só um concerto mas um espectáculo que deu que falar.

Com uma postura muito forte em palco levantaram a primeira poeira quando tocaram o primeiro single com o mesmo nome doálbum “Walking on The Dream”. Todos dançaram e cantaram ao som da voz de Luke Steele. Esta dupla australiana, mistura a música eletrónica com uma guitarra eléctrica, que muda a sonoridade da banda e dás-lhes cresimento na agressividade em palco. Se esta banda em disco parece meio tímida e roça mais o pop, em concerto muda totalmente, para um tom mais pesado e mais electro, com a batida a marcar o ritmo da música e os temas ganham  uma nova vida e mais colorida.

O Canela & Hortelã agradece à UNICER pelo acesso ao festival dos seus colaboradores.

Texto de Patrícia Vistas
Fotos de Francisco Lourenço

Deixar uma resposta