Sugestões de Natal C&H: Música em Português

O fim do ano é rico em lançamentos e novidades musicais em português, o C&H deixa-lhe aqui algumas sugestões, que vão desde o clássico Rui Veloso, aos desaparecidos Madredeus ao Fado, agora é só escolher.

Começamos com Rui Veloso e Amigos, o novo trabalho de Rui Veloso, editado pela EMI Music Portugal e que apresenta exclusivamente duetos com os seus amigos e revisita, na maior parte dos temas, canções menos conhecidos da sua carreira. Assim, rodeou-se de vários amigos sendo já bastante conhecidos os duetos que passam nas rádios desde meados do mês de outubro, com os Expensive Soul e com Camané em “Mr. Dow Jones” e “Conceição”.

Estão disponíveis várias edições, nomeadamente a edição standard com treze temas tendo o preço de 17,90 euros; a edição especial (digipack) à qual se acrescenta um DVD com o documentário Os Amigos, realizado por Jesus Roque com o preço de 21,90 euros, e a edição digital também com os treze temas. Estes são cantados com Jorge Palma, Camané, Afonso Pais, Luis Represas, Rão Kyao, Expensive Soul, Carlos do Carmo, Dany Silva, Maria João & Mário Laginha, JP Simões, Bernardo Sassetti, Ricardo Ribeiro, Tito Paris, Zeca Medeiros e Manuel João Vieira, Boss AC, Ana Sofia Varela, Paulo Flores, Lura, Tcheka, Zé Ricardo, Manecas Costa e Luanda Cozetti.

Seguimos para Tim. No final do ano de 2010 o Coliseu de Lisboa foi palco de um concerto que foi o culminar de aproximadamente quatro anos de encontros em palco de vários artistas, amigos especiais de Tim: Celeste Rodrigues, Vitorino, Mário Laginha, Teresa Salgueiro e Rui Veloso. Este concerto teve lotação esgotada, foi editado em CD e DVD recentemente pela Farol Música: Tim e Companheiros de Aventura Ao Vivo.

Tim cantou e encantou interpretando diversas canções do cancioneiro português, “Menina Estás à Janela”, “É Pra Amanhã”, “Por Quem Não Esqueci” ou “Homem do Leme”, entre outros e também alguns temas originais. Neste trabalho é de destacar o tema “A Noite”, dos Sitiados, e que é interpretado com a identidade única de Tim. Este é o primeiro single retirado deste CD e que já se pode ouvir na rádio.

De Tiago Bettencourt, o seu álbum Acústico, que reúne os seus melhores temas e inclui outros dos extintos Toranja, num concerto único, íntimo, apenas com cerca de sessenta pessoas, em estúdio, reunindo também vários convidados. Assim, os seus fãs poderão ouvir o seu primeiro single, “Carta”, mas também “Laços”, “Canção Simples”, “Só Mais Uma Volta”, entre muitos outros. Traz também uma surpresa, o inédito “Temporal” e os convidados Lura e Jorge Palma. O preço de venda ao público é de 13,90 euros, existindo também uma edição especial que contém, além do CD, um DVD com a gravação do concerto tendo esta o preço de 17,90 euros.

Os Seda regressaram com um novo disco mantendo como vocalista a já conhecida cantora e atriz Gabriela Barros. Em Lá Vai Ela encontra-se arranjos originais e inéditos em canções já transformadas em grandes temas portugueses como “Sonho Azul” de Né Ladeiras, “Dou-te Um Doce” de Lena D’Água, “Não Sejas Mau Pra Mim” de Dora, entre outros.

Este trabalho é editado pela Farol Música e tem o preço de venda ao público de 15,90 euros.

Dos Madredeus, Antologia é uma renovada visita ao repertório dos Madredeus publicado entre 1987 e 2005 que propõe uma outra visão da obra e da carreira desta seminal banda lisboeta que há 25 anos revolucionou o panorama artístico nacional com o seu álbum de estreia, “Os Dias da Madredeus”, e que a partir do início da década de 1990 conquistou uma singular e notável notoriedade internacional com digressões regulares por todos os cinco continentes.

Apresentada em duas versões distintas: CD único com 18 canções ou CD duplo com 30 canções numa edição da EMI Music. Antologia recapitula os momentos essenciais dos  Madredeus com a cantora Teresa Salgueiro ao longo dos álbuns Os Dias da Madredeus (1987), Existir (1990), O Espírito da Paz (1994), Ainda (1994,banda sonora do filme Lisbon Story, de Wim Wenders), O Paraíso  (1997), Movimento (2001), Um Amor Infinito (2004) e Faluas do Tejo (2005).

Ambas as versões incluem ainda o tema “As Brumas do Futuro”, composto para a banda sonora do filme Capitães de Abril, de Maria de Medeiros (2000), com letra de Pedro Ayres Magalhães e música de António Victorino D’Almeida.

No Fado, começamos com Desfado, o quinto álbum de originais de Ana Moura, editado pela Universal Music, gravado nos Henson Recording Studios, em Los Angeles, e produzido pelo norte-americano Larry Klein, que já trabalhou com Joni Mitchell, Herbie Hancock, Madeleine Peyroux, Melody Gardot, Tracy Chapman, entre muitos outros. Excelente escolha para este Natal, Desfado tem o preço de venda ao público de 15,90 euros. Existe uma edição especial limitada, que inclui também o DVD e tem o preço de 19,90 euros.

Fados de Amor é o segundo álbum de Rodrigo Costa Félix, um álbum repleto de maturidade, em torno da temática do Amor. Um disco dedicado à mulher, intérprete da Guitarra Portuguesa, Marta Pereira da Costa. Composto por 15 fados entre eles o tema “Amigo Aprendiz”, com música de Tiago Bettencourt e um poema de Fernando Pessoa.

De Maria João Pires e Carlos do Carmo, dois dos maiores nomes portugueses da música. São nove os diálogos que Carlos do Carmo partilha com Maria João Pires neste projecto tão especial. Diálogos com “argumentos” que jogam com as palavras de Vasco Graça Moura, José Carlos Vasconcelos, Júlio Pomar, Fernando Pinto do Amaral, José Saramago, Urbano Tavares Rodrigues, Nuno Júdice, Maria do Rosário Pedreira e Fernando Tavares Marques e com “tramas” desenhadas nas partituras de António Vitorino d’Almeida.

O disco tem o selo da Edge Music, uma das etiquetas da prestigiada Deutsche Grammophone, e terá uma única edição – digipack acompanhada por um DVD onde se testemunha a gravação dos ensaios para o disco, mostrando as interpretações de cinco dos fados do disco.

O cd tem 9 faixas -Morrer de Ingratidão (Vasco Graça Moura), No Lado Esquerdo do Peito (José Carlos Vasconcelos), Canto Três (Júlio Pomar), Teclado (Fernando Pinto do Amaral), Se Não Tenho Outra Voz (José Saramago), Paixão (Urbano Tavares Rodrigues), Separação (Nuno Júdice), Sem Palavras (Maria do Rosário Pedreira) e Invenção de Mim (Fernando Tavares Marques).

Por C&H

 

 

 

Deixar uma resposta