Springwater Travel Group é o novo nome da ES Viagens

esviagensDepois de alguma incerteza, ficou finalmente concluída a venda da Espírito Santo Viagens – ES Viagens, empresa do Grupo ES dedicada ao negócio e segmento de viagens, à Suíça Spingwater Capital, anunciaram ontem Francisco Calheiros (CEO da ES Viagens) e Martin Gruschka, cofounder e managing partner da Springwater Capital, após aprovação pelo Tribunal de Comércio do Luxemburgo .

A empresa de Capitais de Risco passa assim a ser dona da empresa portuguesa e de todas as suas marcas, pretendendo ainda até ao fim do mês alterar o nome da ES Viagens e da empresa de “shared services” do grupo para Springwater Travel Group, mantendo no entanto os nomes das marcas TopAtlântico, Carlson Wagonlit, BCD Travel, TA DMC Portugal, Solférias (operador turístico da qual a empresa é um dos accionistas), ATR e King Holidays (Representações, Internacional e Operadores).

Durante a conferência de imprensa, ambos os responsáveis reafirmaram que não vão haver mais restruturações (despedimentos), nem alterações de funcionamento, sendo essencialmente para já, apenas a mudança de nome e a substituição de Alexandre Matos por Mário Machado como Chief Operational Officer (COO), mantendo-se Francisco Calheiros como Chief Executive Officer (CEO) e Miguel Nunes, Chief Financial Officer (CFO).

Francisco Calheiros fez questão de frisar que: “O importante agora é estabilizar a empresa”, fazer as pessoas voltarem a confiar e voltarem a reservar com eles as suas viagens e pararem com a onda de cancelamentos.

Futuramente a empresa pretende continuar a apostar no mercado africano, nomeadamente em Angola e Moçambique e talvez quem sabe no Brasil, adiantaram ainda os responsáveis.

Com a venda da ES Viagens à Spingwater Capital ficou assim resolvido o futuro da empresa do segmento de Turismo do grupo, ficando ainda por resolver a questão dos Hotéis Tivoli, cujo futuro continua ainda por definir, e que Martin Gruschka disse ao C&H não fazer parte dos planos da empresa suíça adquirir, “por não ser o seu tipo de negócio”.

Por Elsa Furtado (Texto e Foto)

Deixar uma resposta