Sintra promove Rota e Vinhos de Colares

Criar e promover a Rota do Vinho de Colares e os seus respectivos vinhos é um dos eixos da programação de Sintra Capital do Romantismo, para o ano de 2010, que realizou neste âmbito o I Almoço de Colares, numa parceria com o Hotel Tivoli Palácio de Seteais e a Comissão de Produtores de Vinho de Colares.

“O vinho de Colares e a respectiva Rota inserem-se dentro do espírito de romântico. Não são só os museus, as paisagens e os palácios, mas tudo isto que fazem de Sintra um ambiente romântico”, disse ao C&H o vereador do Turismo Lino Ramos à margem da apresentação.

A iniciativa incluiu uma prova de vinhos, onde foram apresentados e testados alguns dos vinhos da região de Colares, brancos e tintos, recentemente lançados no mercado, com preços entre os 9 e os 30 euros, das marcas Fundação Oriente Colares, Arenae, Monte Cascas, e Viúva Gomes.

Seguidamente, alguns destes vinhos acompanharam os diferentes pratos preparados e idealizados especialmente para o almoço, pelo chef Luís Baena (chef executivo do grupo Tivoli Hotels & Resorts), em colaboração com o enólogo Aníbal Coutinho, que terminou com um agradável e requintado Carcavelinhos a companhar umas deliciosas queijadas de Sintra, feitas no Hotel Palácio Seteais.

Durante o encontro, que contou com inúmeras personalidades ligadas aos vinhos e à região, o Presidente da Câmara de Sintra, Fernando Seara fez questão de salientar que: “Temos que ter capacidade de conjugar a memória com a história, através dela é possível olhar para o presente e projectar o futuro, daí a importância de reavivar e promover a região DOC de Colares, Carcavelos e Bucelas, que já tem 100 anos e é uma das mais antigas regiões vitivínicolas demarcadas do país”.

Paralelamente a esta acção, a autarquia vai também realizar e promover várias iniciativas e uma exposição permanente na Adega Regional de Colares, “pois é preciso promover o conhecimento sobre o vinho, para gerar o interesse e a curiosidade de o beber”, nas palavras do vereador Lino Ramos.

A iniciativa vai ter uma periodicidade anual, sempre na Primavera, e vai constar de uma prova de vinhos e almoço, com provas comentadas.

Texto e Fotos de Elsa Furtado

Deixar uma resposta