Sete assinaturas em destaque na programação do CCB para a nova temporada

O Centro Cultural de Belém apresentou ontem a sua programação para 2011/2012, que tem como grande novidade um sistema de sete assinaturas, que vão da música sinfónica à dança. Durante a apresentação à imprensa, António Mega Ferreira, responsável pela programação do CCB disse que, “As assinaturas representam sete grandes linhas de força da temporada, de forma a orientar o espetador na escolha da programação”.

Para a próxima temporada foram criadas a Temporada CCB/Metropolitan, OCP Espírito Mozart!,  Barroco, Piano, ECM Lisbon Series, Jazz e Anne Teresa de Keersmaeker, com dois tipos de assinatura, a A e B, que importam no desconto de 20%, 25% ou 30% conforme os casos.

Como artista residente estará presente a coreógrafa belga Anne Teresa De Keersmaeke, apresentando-se primeiro numa residência com quatro espetáculos (fevereiro), depois com a sua nova criação de 2011 (junho) e a formação portuguesa vocal e instrumental Sete Lágrimas que apresentam um reportório de música antiga e contemporânea. Irão apresentar três concertos temáticos (Terra, Vento e Pedra) com a participação de músicos convidados, como a Mayra Andrade, António Zambujo e Maria Cristina Kiehr.

A base da temporada musical continua a ser o programa de formações em residência com os Divino Sospiro, Orquestra de Câmara Portuguesa, Schostakovich Ensemble. De destacar a presença do pianista português Sequeira.

Estão também agendados o Festival Música Viva, o Big Bang, Dias da Música em Belém, Festival Almada e Festival Alkantara. O Dias da Música em Belém será de 27 a 29 de Abril e terá como tema “A Voz Humana ou o Canto através dos tempos”.

O cinema também vai marcar presença na próxima temporada com dois ciclos, Ciclo Andrei Tarkovsky – Esculpir o tempo e Ciclo Nino Rota – “Os filmes da minha música”. No primeiro revêem-se sete filmes da sua obra apartir de uma exposição de 80 polaroids do autor de Nostalgia. O pianista francês François Couturier, apresentará um concerto com música inspirada em Andrei Tarkovsky. No ciclo Nino Rota projetam-se filmes cuja banda sonora foi composta pelo artista, como é o caso de O Leopardo, de Visconti, ou O Padrinho, de Coppola.

A temporada de Dança abre em outubro com a apresentação do Ballet National de Marseille, dirigido por Frédéric Flamand, que apresentará coreografias de Flamand, Lucinda Childs e William Forsythe. Em fevereiro de 2012, apresenta-se Anne Teresa de Keersmaeker, artista associada da temporada, e voltará em junho com uma nova criação. Inclui ainda espetáculos de Circolando, com Areia, de Philippe Decouflé, com Octopus, e da Pichet Klunchun Dance Company, com Nijinsky Siam.

A temporada de Teatro apresenta produções de Mala Voadora, Companhia Maior, Teatro da Garagem e Teatro Meridional, que comemoram 20 anos de existência.

No âmbito do projeto Prospero, projeto europeu de criação teatral o CCB vai acolher Krysztof Warlikowski com uma criação a partir de textos de Shakespeare e Ivo van Hove, que apresenta a sua encenação de Husbands, baseado em John Cassavetes.

O CCB vai entregar Carta Branca a J.P. Simões, cantor e compositor, mestre em Teoria da Literatura e autor de um livro de contos.

A Literatura também está presente na programação com a edição de Dias dedicados a Vitorino Nemésio (18/09), Italo Calvino (1/11) e Rubem Fonseca (27/05), não esquecendo as celebrações do Dia Mundial da Poesia a 24 de Março, com o apoio do Plano Nacional de Leitura. O poeta em destaque desta edição será Jorge de Sena.

O CCB/Fábrica das Artes desenvolve o projeto educativo dirigido a públicos diversos, dos 0 aos 99 anos, com maior predomínio para as artes performativas – espetáculos e oficinas. De todas as acções destacamos o “Bom dia Benjamim”, o “Big Bang”, “Piada Forte”, “No Quarto com Músicos” e “Orquestra Geração”.

A nova temporada conta com algumas inovações como o acesso ao parque com a via verde, aplicação para smartphones e tablets e wi-fi em todo o CCB. As bilheteiras abrem a 1 de Julho, em exclusivo até dia 5 para a aquisição das assinaturas e após dia 5, para assinaturas e bilhetes individuais.

Por Clara Inácio
Foto de Elsa Furtado

Deixar uma resposta