Schostakovich Ensemble marca a rentrée do CCB

O Centro Cultural de Belém abre a nova temporada com o concerto de Outono de DSCH-Schostakovich Ensemble no grande auditório e que nos presenteará com As Estações – Vivaldi, Tchaikovsky e Piazzolla, será no dia 16 de setembro às 17h00 e terá direção artística de Filipe Pinto-Ribeiro.

De destacar também no mês de setembro a terceira edição do Festival Big Bang, Festival Europeu de Música e Aventura para Crianças, dos 4 aos 12 anos e para os adultos que as acompanham, que irá decorrer nos dias 28 e 29 de setembro. Trata-se de um projeto internacional que conta com seis parceiros: Zonzo Compagnie, da Bélgica, o CCB em Portugal,  Stavanger Konserthus, da Noruega, Ópera de Lille, de França, Millenaris da Hungria e Bozar, Palais des Beaux-Arts da Bélgica.

No mês de outubro, de salientar a celebração dos cento e cinquenta anos da publicação da obra Amor de Perdição de Camilo Castelo Branco, com o ciclo CCB no CCB – Camilo Castelo Branco: As paixões juvenis e o Amor de Perdição. Este ciclo decorrerá de 22 a 27 de outubro com literatura, cinema, passando por mesas-redondas, conferências, debates com professores e estudantes, programas musicais, uma feira do livro e duas exposições: uma de iconografia e bibliografia camiliana da coleção da Casa de Camilo e outra dos desenhos do pintor Júlio Pomar para o livro O Romance de Camilo, de Aquilino Ribeiro.

Também em outubro, ter-se-á a oportunidade de ouvir duas bandas portuguesas de destaque, os Old Jerusalem no dia 13 de outubro às 21h00 no pequeno auditório, e os Paus no dia 26 de outubro às 21h00 no Grande Auditório. No dia seguinte, 27 de outubro, poder-se-á contar com o pianista Miguel Borges Coelho no pequeno auditório às 21h00 onde irá percorrer obras de Joseph Haydn, passando por Johannes Brahms e Fernando Lopes-Graça entre outros.

De destacar a dança neste mesmo mês, dias 19 e 20 de outubro no pequeno auditório às 21h00, com Guintche cuja conceção e interpretação é de Marlene Monteiro Freitas.

Em novembro o CCB recebe o Festival Misty que nas duas edições anteriores decorria em Sintra. De 8 a 17 de novembro poder-se-á ouvir sons mais alternativos estando já confirmadas algumas bandas nomeadamente Peter Hook & The Light, Amélia Muge e Filipe Raposo, Osso Vaidoso e Lucas Bora-Bora, Celina da Piedade e Cowboy Junkies.

No último mês do ano, a 3 de dezembro, a Orquestra de Câmara Portuguesa, com direção musical de Pedro Carneiro vai trazer ao grande auditório O-Mega, a última obra de Xenakis passando também por obras de Schubert e de Beethoven.

Os bilhetes para os concertos, espetáculos e ciclos estão à venda na bilheteira do Centro Cultural de Belém e nos locais habituais.

Por Joana Resende
Foto de Elsa Furtado

 

 

 

 

 

 

 

 

Deixar uma resposta