São Luiz apresenta O Jogador de Dostoiévski

O Teatro São Luiz volta à criação própria com a apresentação de O Jogador, com encenação de Gonçalo Amorim, a partir da obra de Fiódor Dostoiévski, com estreia marcada para amanhã, que vai estar em cena na sala principal, até 21 de Maio, de quarta a domingo.

“A história decorre em Roletemburgo, num hotel, na Alemanha, num ambiente de casinos. A nossa inspiração manter-se-á nesse universo e é essa a imagética em que mergulhamos”, dizia o encenador Gonçalo Amorim no início desta temporada e antes do trabalho d’O Jogador se começar a precipitar e a concretizar. Hoje, volvidos vários meses e na fase quase final de construção desta peça, Gonçalo Amorim reflecte: “Em O Jogador, espectáculo em quatro episódios construído a partir do romance de Dostoiévski, há um trabalho sobre o tempo: tempo nosso que dividimos a acção do romance em episódios e lhe brincamos com os momentos de aceleração e de suspensão, deixando-nos absorver pela intriga. Tempo das personagens que se encontram em Roletemburgo, espaço aparte do mundo, organizado em torno da vertigem da Roleta. E tempo da Cidade, a quem propusemos um Clube de Leitura que durou vários meses, e a quem agora desafiamos que se organize como melhor lhe convier e participe num espectáculo de teatro em formato blockbuster. (…)”.

A interpretação está a cargo de António Fonseca, Carla Galvão, Carla Maciel, Duarte Guimarães, Iris Cayatte, Joana de Verona, João Villas Boas, Mónica Garnel, Nicolas Brites, Raquel Castro, Romeu Costa e Vânia Rovisco. A adaptação é Emília Costa, a assistência de encenação e dramaturgia está a cargo de Ana Bigotte Vieira. A música é original de Paulo Furtado e Rita Redshoes.

A peça pode ser vista em sequências de quatro episódios, ou de dois episódios de cada vez, adquirindo o formato de série. Quarta às 21h00 – episódios 1 e 2, quinta às 21h00 – episódios 3 e 4, sexta, sábado e domingo às 18h00 – todos os episódios. Sessão especial com interpretação em linguagem gestual no domingo, dia 15 Maio.

Os bilhetes por episódio custam 5 euros e os quatro episódios são 15 euros.

Texto de Clara Inácio
Fotografias de Francisco Lourenço

Deixar uma resposta