Santa Casa da Misericórdia de Lisboa abre portas à cultura com Festa do Livro em São Roque

A Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (SCML) promove a Festa do Livro em São Roque, com publicações a preços especiais, tertúlias, concertos e visitas guiadas gratuitas ao Museu de São Roque, no próximo dia 8 de Novembro, das 12h00 às 22h00.

Quem passar pelo Largo Trindade Coelho pode encontrar livros com 20% de desconto, de áreas como Belas-Artes e História de Arte, Arquitectura, Acção e Serviço Social, entre mais de cem títulos, editados pela instituição. Para estudantes e professores, haverá ainda uma selecção de obras a 1 euro e a 5 euros.

O lema da iniciativa é Partilhamos a nossa Cultura, Por Boas Causas, com o objectivo de tornar São Roque num pólo cultural de referência na cidade de Lisboa.

A animação será garantida com actuações do Quarteto Jazz Improve, de músicos do Conservatório Nacional, da Tuna da Escola Superior de Saúde do Alcoitão, estabelecimento da SCML, e da Tuna do IADE – Creative University.

Ao longo da tarde, vários especialistas e autores vão estar à conversa com o público. Das 15h00 às 16h30, decorrem três debates: em torno das obras O Berço da Adopção I Histórias de Amor; As Necessidades dos Cuidadores Informais: Estudo na Área do Envelhecimento; e Saúde Materno-Infantil: Um passado de cinco séculos I O presente de um serviço exemplar. Em destaque na feira estará também a obra “Benemerências”, da jornalista Ana Gomes, a mais recente publicação dos Cadernos Solidários da SCML, apresentada esta semana.

A riqueza artística e histórica desta igreja-museu monumento nacional dá lugar a uma série de mesas redondas, a partir das 18h00, a propósito dos livros Ourivesaria e Iluminura: Século XIV ao Século XX; Arte Oriental nas Coleções do Museu de São Roque, esta com a participação de Nuno Vassallo e Silva, director-adjunto do Museu Calouste Gulbenkian; Pintura: Século XVI ao Século XX, Garcia Fernandes, um Pintor do Renascimento: Eleitor da Misericórdia de Lisboa e O Tecto da Igreja de São Roque, com o contributo de Joaquim Oliveira Caetano, conservador principal do Museu de Arte Antiga, entre outros especialistas. O livro O Património Arquitectónico: SCML será comentado pelo arquitecto Hélder Carita e por Filipa Avelar, especialista em Epigrafia.

A administração da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa está apostada na promoção da Cultura a nível nacional. A nova Direcção da Cultura foi criada com o objectivo de promover e consolidar uma maior valorização do património da instituição, reunido ao longo de 514 anos de existência, e em grande parte resultante de benemerências. Nesta área, merecem hoje particular referência a Igreja e o Museu de São Roque, o Arquivo Histórico, a Biblioteca, o Centro Editorial e o Serviço de Públicos e Desenvolvimento Cultural.

Texto de Clara Inácio

Deixar uma resposta