Reflex 2012 tem como tema a Igualdade de Género

Pelo sexto ano consecutivo a associação Cais e o Banco Espirito Santo associam-se para mais uma edição da Reflex 2012 – Prémio de Fotografia Cais|BES, subordinado ao tema Igualdade de Género.

«Registe as semelhanças, Revele as diferenças» é o mote para  a sexta edição, que conta com um júri especial composto por  João Botelho, Presidente do Júri e Cineasta reconhecido internacionalmente; Fernanda Freitas, Jornalista e Apresentadora de TV; Paulo Padrão, Assessor do Conselho de Administração e Diretor de Comunicação do BES; Fernando Mendes, Fundador e CEO da CoworkLisboa, com uma ligação estreita à Cais e ao projeto da revista; e José Carapinha, Utente Cais, associado da ANIF (Associação Nacional de Industriais de Fotografia) e fotógrafo amador.

 A Associação CAIS  ao propor o tema Igualdade de Género, pretende que através da fotografia, se divulgue e sensibilize o maior número de pessoas para a questão da igualdade de oportunidades e de escolhas entre géneros, evidenciando as suas semelhanças e diferenças. O final do concurso é marcado pela cerimónia inaugural da exposição, onde serão reveladas as 30 obras finalistas, incluindo os quatro grandes vencedores desta edição.

As quatro melhores fotografias serão premiadas com o valor de 1000 euros, 600 euros, 400 euros e 300 euros, respectivamente, e os seus autores receberão ainda equipamento da marca Epson e uma assinatura anual da revista O Mundo da Fotografia Digital. As fotografias finalistas serão ainda publicadas na edição de outubro da Revista CAIS.

O Reflex é um prémio temático aberto a todos os cidadãos residentes em Portugal, profissionais, estudantes e amadores e tem como principais objetivos a dinamização do meio fotográfico e a valorização da fotografia enquanto expressão artística.

Texto de Clara Inácio

Deixar uma resposta