Première Brasil Lisboa traz cinema canarinho à capital portuguesa

gloriapires_premierePremière Brasil Lisboa é o nome da mostra de cinema brasileiro que decorre entre 6 de 12 de junho, no cinema ZON Lusomundo Vasco da Gama, numa acção promovida pelo Ano do Brasil em Portugal e pela organização Festival do Rio.

Do cartaz fazem parte 14 películas, entre filmes de realizadores consagrados e outros com assinatura de novos talentos. Meu Pé de Laranja Lima, de Marcos Bernstein e A Música Segundo Tom Jobim, documentário realizado por Nelson Pereira dos Santos e Dora Jobim, neta do conceituado maestro, são apenas dois deles. A celebrar a amizade entre Brasil e Portugal serão também exibidos Bola Quadrada e Boteco, do luso Ivan Dias, ambos em torno da ligação entre os dois países.

Flores Raras realizado por Bruno Barreto terá, para além das sessões no ZON Lusomundo Vasco da Gama, uma especial que acontece dia 7 no Centro Cultural de Belém. Selecionado no Festival de Berlim. O filme conta a história de amor entre a arquiteta carioca Lota Macedo de Soares – interpretada por Glória Pires –  e Elizabeth Bishop, poetisa americana que ganhou o Pulitzer.

A Première Brasil Lisboa, parte integrante das comemorações de encerramento do Ano do Brasil em Portugal, é realizada em parceria com a Divisão de Promoção do Audiovisual do Ministério das Relações Exteriores através da Embaixada do Brasil em Lisboa e o Governo do Estado do Rio de Janeiro.

As sessões no cinema ZON Lusomundo Vasco da Gama acontecem durante todos os dias do festival entre as 14h30 e as 20h30. Os bilhetes custam 4 euros e podem ser adquiridos nos locais habituais. Já a sessão especial de Flores Raras, agendada para dia 7 no CCB, começa às 21h00. A entrada é livre, mas sujeita a reserva na respetiva bilheteira.

Texto de Alexandra Gil

 

Deixar uma resposta