Palácio Nacional de Belém apresenta exposição dedicada à Arte Sacra do Baixo Alentejo

Este ano, a exposição de Natal que se realiza tradicionalmente no Palácio Nacional de Belém em Lisboa é dedicada à Arte Sacra do Baixo Alentejo, patrocinada pelo Museu da Presidência da República e pelo departamento do Património Histórico e Artístico da Diocese de Beja.

O seu nome é E um Filho nos foi dado – Iconografia do Menino Deus no Alentejo Meridional e apresenta cerca de uma centena de obras de arte provenientes de museus, igrejas e coleções particulares, dando a conhecer aos seus visitantes alguma da riqueza patrimonial do atual território da Diocese de Beja. Esta exposição abrange peças desde o século XV até aos nossos dias, tendo como elemento centralizador a Encarnação.

Segundo José António Falcão, diretor do departamento do Património da Diocese de Beja e comissário da exposição, esta “dá a primazia à vivência comunitária da devoção ao Deus Menino, sinal da identidade de uma região que se orgulha das suas tradições natalícias, mas propõe uma reflexão mais alargada em torno do diálogo da cultura com a religião”.

Vai ser possível desfrutar de pinturas, esculturas e artes decorativas, como por exemplo Adão e Eva, tema de um prato medieval para a recolha de esmolas, a Anunciação do anjo a Maria, o nascimento de Jesus, em Belém, e a sua infância em Nazaré; Virgem em Majestade, da época românica, Natividade “ao profano”, desenhada por Jorge Vieira em 1962.

E um Filho nos foi dado – Iconografia do Menino Deus no Alentejo Meridional inaugura no dia 14 de dezembro e poderá ser visitada até ao dia 14 de janeiro de 2013, de terça-feira a domingo das 10h00 às 18h00 mediante aquisição do bilhete para o Museu da Presidência.

Texto de Joana Resende

Deixar uma resposta