Os homens que odeiam as mulheres

Män som hatar kvinnor é o primeiro livro da trilogia Millenium, escrito por Stieg Larsson, agora publicado na língua de Camões com título Os homens que odeiam as mulheres, pela Oceanos, do Grupo Leya.

Mikael Blomqvist é um jornalista e co-fundador da revista Millenium, que se dedica principalmente a desmascarar escândalos na alta finança, mas que acabou de ser declarado culpado de um caso de difamação a uma as mais influentes personalidades suecas.

Henrik Vanger é um grande empresário na reforma com um passado familiar conturbado que anda obcecado há 40 anos com o desaparecimento da menina dos seus olhos, a sua sobrinha Harriet Vanger. Desapareceu sem deixar testemunhas, qualquer prova, mas Henrik está convencido que foi assassinada. Aproveitando-se da problemática situação em que se encontra Mikael, Henrik pede-lhe para escrever um livro sobre os podres da família Vanger, como desculpa para investigar o desaparecimento de Harriet.

Lisbeth Salander é a Rapariga da Tatuagem de Dragão, e é uma investigadora excepcional e irreverente, com muitos trunfos na manga, que irá juntar forças com Mikael para deslindar o mistério da família Vanger.

Com uma intriga forte, cativante, cheia de suspense, Stieg envolve-nos no mundo contemporâneo da corrupção e do crime, da qual ninguém vai sair ileso.

Está também neste momento a ser feitos filme para o primeiro e também para o segundo da trilogia, com titulo em inglês de The girl that played with fire.

Stieg Larsson recebeu o prémio para o Melhor Romance Criminal da Academia Sueca de Ficção Criminal, em 2006, pelo livro Os homens que odeiam as mulheres.

Antes da sua carreira como escritor, Stieg Larsson era conhecido pela sua luta contra o racismo e extrema-direita. Em meados dos anos 80 ajudou a começar um projecto anti violência chamado “Stop the racism“. Em 1995 fundou a Expofoundation, onde mais tarde se tornou chefe executivo. Desde 1999 foi nomeado editor chefe da Expo, uma revista publicada pela organização Expo.
Morreu em Novembro de 2004 de ataque de cardíaco, pouco depois de ter entregue a trilogia Millenium para a editora.

2 Comentários

Deixar uma resposta