O Princípio da Inércia no Museu da Cidade

Mafalda Santos e Susana Gaudêncio apresentam a exposição O Princípio da Inércia, um projecto Pessoa Coletiva, no Pavilhão Branco do Museu da Cidade.

A exposição conta com as participações de Isabel Carvalho, Javier Nuñez Gasco, Margarida Dias Coelho, Miguel Soares, Raphael Taylor, Antoni Muntadas e Mário Moura. Para além de desenho, escultura, instalação, pintura e vídeo, apresenta também uma coletânea de livros selecionada por Mário Moura e a publicação On Translation: Culorae (1998), cedida por Antoni Muntadas.

O título da exposição O Princípio da Inércia evoca a primeira lei de Newton como metáfora para uma reflexão sobre movimentos sociais democratizantes que marcaram o século XX e o início do século XXI. Estes movimentos são frequentemente denominados como Revoluções Coloridas, devido ao facto de adotarem o nome de uma cor ou flor específica. Tendo esta metáfora como ponto de partida comum para o desenvolvimento do trabalho, a exposição explora a pertinência e significância histórica e poética destes movimentos, procurando simultaneamente refletir sobre o conceito de revolução, num sentido mais lato.

A mostra encerra no dia 4 de novembro às 18h00, com um concerto de Rec Brutus e o lançamento do pasquim satírico pró-lírico BURACO # 5.

Deixar uma resposta