O melhor de Coruche no W Shopping

O Município de Coruche continua a apostar na promoção do concelho. Desta forma, de 7 a 27 de Fevereiro, o concelho está em destaque no W Shopping, em Santarém, tendo por objectivo mostrar todas as potencialidades turísticas e económicas, bem como a sua história e cultura.

Depois de marcar presença na Nauticampo (FIL), em Lisboa, onde vai ter até domingo o stand Coruche Inspira – junto à entrada principal da FIL – que destaca as actividades de lazer ao ar livre, em contacto com a natureza, disponíveis no concelho, Coruche vai também estar presente na exposição Montado de Sobro, uma mostra matente no W Shopping que pretende dar a conhecer ao público a singularidade ambiental, turística e económica da fileira da cortiça, bem como reforçar a imagem do concelho como capital mundial da cortiça.

“Continuamos a trabalhar para promover o nosso território, queremos potenciar ao máximo as nossas mais-valias: ambientais, turísticas, culturais, económicas e geográficas, que todas juntas fazem de nós um concelho de excepção e muito atractivo” diz Pedro Orvalho, adjunto do Presidente da Câmara e responsável pelo gabinete de comunicação. O Adjunto de Dionísio Mendes sublinha ainda o rigor financeiro com que estão a ser desenvolvidas estas iniciativas: “Estamos na FIL e no W Shopping sem pagar um cêntimo, o mesmo já aconteceu em Novembro passado, em Espanha, na Fehispor em Badajoz. Estabelecemos acordos, em alguns casos de permuta, com parceiros que nos possibilitam estar em grandes montras a custo zero”.

O responsável pela comunicação do Município conclui dizendo que esta política de promoção de Coruche é para continuar “é unânime que temos feito um trabalho fantástico na promoção do concelho, este reconhecimento deixa-me muito satisfeito, mais ainda, porque temos comunicado com orçamentos mínimos. O retorno que temos consigo retirar da nossa estratégia de comunicação é enorme, o que torna os números do que temos gasto perfeitamente ridículos. Há quem gaste milhões para conseguir a visibilidade e notoriedade que temos conseguido obter com tostões”.

Texto de Cristina Alves

Deixar uma resposta