Museu Nacional de Etnologia inaugura exposição permanente O Museu, muitas coisas

O museu, muitas coisasO Museu Nacional de Etnologia, em Lisboa, inaugura a sua primeira exposição permanente intitulada O museu, muitas coisas, que se divide em núcleos representativos do acervo e do trabalho de investigação até agora efectuado. Os seus conteúdos irão ser rotativos, de modo a abordar o maior número possível de temas e mostrar todo o material que o museu tem. A inauguração vai ter lugar no próximo dia 31 de Janeiro, pelas 18h30.

Os núcleos são: o teatro de sombras de Bali; as bonecas do sudoeste angolano; as tampas de panelas com provérbios de Cabinda; as máscaras e marionetas do Mali; instrumentos musicais populares portugueses; dedicado ao objecto, as talas de Rio de Onor, e a escultura de Franklim.

Vai estar disponível um posto de consulta multimédia em que o visitante poderá navegar pelas exposições que o Museu já fez e ter acesso à sua história expositiva, através de fotografias, vídeos e outra documentação, e a curto e médio prazo terá acesso ao arquivo de imagens, fixas e em movimento. A Direcção-Geral do Património Cultural estima o espólio do MNE em 35 mil objectos de vários países.

Texto de Clara Inácio

Deixar uma resposta