Museu de Arte Popular acolhe Moart – Mostra de Artesanato e Produtos Regionais

O Museu de Arte Popular acolhe a Moart – Mostra de Artesanato e Produtos Regionais, patente de 8 a11, 17 e 18 de dezembro, nela vão estar presentes mais de 50 artesãos oriundos de todo o país e 10 produtores, de vinho, queijo, azeite, entre outros. A mostra conta ainda com exposições, ateliês diversos, atuação de grupos tradicionais, possibilidade de aquisição de produtos regionais, exibição de documentários e exposições temáticas.

Entre os vários stands presentes, destaque para as Aldeias do Xisto que vão apresentar uma mostra de produtos regionais, bem como oficinas e trabalhos ao vivo, onde diversos artesãos marcam presença.

Vasco Baltazar apresenta uma oficina de cerâmica, com exibições de trabalho ao vivo, das 14h00 às 16h00, nos dias 8, 9,10 e 11, na qual vai produzir presépios, santos populares e animais diversos.

Nuno Alves  apresenta a Exposição e Oficina de Madeira, com a Oficina dos Objetos nos dias 10 e 11 de dezembro. Com exibições ao vivo, das 14h00 às 16h00. Produz objetos utilitários e decorativos como ovelhas, pica-paus, mochos, jogos tradicionais, aviões, …Vai buscar a matéria-prima à Serra da Gardunha, que também é fonte de inspiração. Aplica os conceitos do eco-design e craft-design.

A exposição e oficina de fiação de lã Willow Valept, com Lynn & Scott vai estar patente nos dias 17 e 18 de dezembro, com exibições ao vivo, das 14h00 às 18h00. Eles utilizam lã em bruto ou cardada em Portugal, fiando-a na cor natural, branco, castanho ou misturando-as, e tingem as lãs com métodos naturais.

Estará ainda patente a exposição de cerâmica de autor, de Miguel Neto.

A entrada é gratuita. O horário de funcionamento é das 10h00 às 18h00 e aos sábados encerra às 21h00.

Texto de Clara Inácio

Deixar uma resposta