Marinha assinala Centenário da República com exposição temporária

Associando-se às celebrações do Centenário da República, a Armada assinala a efeméride com uma exposição temporária, na qual é evocado o papel decisivo desempenhado pelos seus militares e navios durante a revolução de 5 de Outubro de 1910. A exposição é constituída por dois núcleos expositivos: A Marinha na República – Os Marinheiros, na Casa da Balança (Instalações Centrais da Marinha, próximas do Terreiro do Paço), e A Marinha na República – Os Navios, no Museu de Marinha, em Belém.
“Em Outubro de 1910 um punhado de homens lutou para mudar o rumo do país. Esses revolucionários, muitos deles marinheiros, enfrentaram uma força mais poderosa e o regime instituído. Bateram-se firmemente, arriscando a sua vida e, mesmo quando tudo parecia perdido, houve quem mantivesse a esperança, defendendo sempre o ideal republicano. Os marinheiros romperam por Lisboa, por terra e por mar. Os navios da Armada foram tomados e na Rotunda manteve-se o pé firme.
Na manhã de dia 5 de Outubro de 1910, o povo despertou para uma nova página na História de Portugal”.

A exposição vai estar patente até 5 de Janeiro, podendo ser visitada todos os dias das 10h00 às 17h00, com entrada gratuita.

Texto de Cristina Alves

Deixar uma resposta