Lusofonia é tema do 18º Festival Rio Loco em Toulouse

De 13 a 17 de Junho acontece o Festival Rio Loco em Toulouse. Dedica a sua 18ª edição à Lusofonia e a todos os países de língua portuguesa: Angola, Brasil, Cabo-Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Princípe e Timor Oriental.

O Festival Rio Loco arranca no dia de abertura com os Madredeus no palco principal, Scène-Pont-Neuf-Prairie des Filtres, às 20h00. Depois será prestada homenagem à Diva dos pés descalços, Cesária Évora, pelas vozes de Tito Paris, Maria Alice, Teofilo Chantre e Nancy Vieira. Dia 14 de Junho é a vez de Norberto Lobo, que  tocará acompanhado por Carlos Bica.

De destacar a presença de Mariza no palco principal no dia 15 de Junho, pelas 20h00. Dia 16 de Junho apresenta-se a banda da independência os Super Mama Djombo, da Guiné Bissau, e fecham a noite os Batida, levando consigo a sonoridade mista de Angola e Portugal. Para a última noite está agendada a actuação dos BID – Bamba Dois,  com o seu reggae, fruto de uma mistura entre sonoridades do Brasil e Jamaica.

Texto de Clara Inácio

Deixar uma resposta