João Torto sobe à cena do Teatro Nacional D. Maria II

O Teatro Nacional D. Maria II apresenta o espetáculo João Torto – a história daquele que foi considerado o primeiro aeronauta português do século XVI, na Sala Estúdio. Com direção artística de Rafaela Santos, dramaturgia de Fernando Giestas e consultoria artística de Cristina Carvalhal, este espetáculo estará em cena até dia 1 de abril. A interpretação é de Leonor Keil, Margarida Gonçalves, Miguel Fragata e Rafaela Santos. Numa coprodução Teatro Nacional D. Maria II , Magnólia Teatro, Amarelo Silvestre e Fundação Lapa do Lobo. 

Junho de 1540, o homem anunciou: “Saibam todos os senhores habitantes desta cidade, que não terminará este dia sem se ver a maior das maravilhas, a qual vem a ser um homem desta cidade voar, com asas feitiças, da Torre da Sé ao Campo de São Mateus, pelo que responde por sua pessoa e bens, João de Almeida Torto”.

20 de junho de 1540, o homem fez: lançou-se do alto da Sé de Viseu, para voar, claro, com duas asas que manufaturou. História ou Lenda? 

Paralelamente ao espetáculo está patente uma exposição pela Magnólia Associação, de objetos variados, como ilustrações de Luís Belo, Rodrigo Gonçalves e José Cruzio e instalações de Ana Seia de Matos e Beatriz Rodrigues, na 1.ª Ordem do TNDM II. A entrada é livre.

João Torto, na Sala Estúdio, até dia 1 de Abril, de quarta a sábado às 21h15 e domingos às 16h15.

Texto de Clara Inácio

Deixar uma resposta