Iberia inicia vôos para Luanda e renova programa Iberia Plus

A Iberia, companhia aérea espanhola, iniciou, no passado dia 28 de Outubro, voos de carreira entre Madrid e Luanda, convertendo-se, dessa forma, na primeira companhia aérea a estabelecer ligações sem escalas entre Espanha e Angola.

A Iberia programou duas frequências semanais, às segundas e sextas-feiras, entre a capital espanhola e a angolana. Todos os voos serão realizados no período nocturno, tendo uma duração entre 7h30 e 7h45. Para este percurso, a companhia vai operar com aparelhos do tipo Airbus A340/300 de 254 lugares.

Para a nova carreira, a companhia aérea lançou uma promoção com preços de ida-e-volta desde 430 euros em classe económica e 1.030 em Business Plus, à partida de Lisboa e Porto. O período de venda e viagem desta oferta é válido até 30 de Novembro e o preço apresentado é final com todas as taxas incluídas.

As previsões apontam para que a Iberia venha a transportar uma média de 3.000 passageiros por mês, dos quais cerca de 70 por cento podem ser procedentes, sobretudo, de outros países europeus e de diversas cidades espanholas.

Luanda é o 12º destino da Iberia em África e o segundo de longo curso neste continente, depois de Joanesburgo. A companhia tem voos regionais e de médio curso para a Argélia (Argel e Oran), Egipto (Cairo), Guiné Equatorial (Malabo), Marrocos (Casablanca, Marrakech, Rabat e Tânger), Nigéria (Lagos) e Senegal (Dakar). Além disso, cobre ainda 11 destinos em código partilhado com outras companhias.

A exploração da nova rota terá comparticipação da companhia aérea angolana Taag-Linhas Aéreas de Angola.

Iberia renova programa Iberia Plus

Outra das novidades da Iberia passa pela renovação do programa de passageiro frequente Iberia Plus, que a partir de 16 de novembro vai passar a ter um novo nome para os pontos – Avios –, e a oferecer mais facilidades para a sua acumulação. Os detentores do cartão de passageiros passarão a adquirir milhas em relação à distância real de voo percorrido, ao invés da zona geográfica, como acontecia até agora.

Em rotas com percurso inferior a 500 milhas, o passageiro recebe o mínimo de 500 Avios em qualquer tarifa. Em longa distância, o número de Avios é igual ao adquirido nas tarifas em turista completa. Para quem viaja em Business, o passageiro obterá em Avios 150 por cento de milhas voadas.

O novo programa apresenta ainda um melhoramento em passar de nível de cartão para cartão, conseguindo mais Pontos Elite em cada voo. Em caso de inactividade do cartão por um período de 36 meses o Avios serão caducados.

Estas mudanças, que marcam o processo de integração dos programas de cliente frequente da Iberia e da British Airways, podem ser consultadas numa página especificamente criada pela Iberia, em www.novedadesiberiaplus.com.

 Texto de Cristina Alves

 

Deixar uma resposta