Grândola Dedica Exposição A Sérgio Godinho Escritor De Canções

Por Elsa Furtado (Texto e Foto)

Faz terça-feira 43 anos desde que se ouviu pela primeira vez nas rádios de todo o país “Grândola Vila Morena, Terra da Fraternidade …” de Zeca Afonso. A canção, que serviu de senha ao 25 de Abril de 1974, transformou também a pequena e pacata vila do Baixo Alentejo num símbolo da Revolução dos Cravos, um papel de que a Vila e os seus habitantes muito se orgulham e fazem questão de preservar até aos dias de hoje, e é neste espírito, que a Câmara Municipal promove a exposição Sérgio Godinho Escritor De Canções, um dos cantautores mais representativos da geração de músicos que lutaram pela Liberdade.

Nascido na Beira, Godinho de sobrenome (tal como alguns habitantes grandolenses) é à volta e sobre ele que gira esta exposição, em ano que se assinam 43 anos de Democracia em Portugal.

A mostra tem inauguração marcada para dia 30 de Abril, pelas 18h00, nos Antigos Paços do Concelho de Grândola, onde vai ficar patente ao público até outubro e “pretende revelar a riqueza e diversidade criativa do seu percurso artístico como escritor de canções, compositor, escritor de livros, dramaturgo, realizador, actor e cantor, que tem reunido à sua volta e das suas canções outros músicos, cantores e públicos de diferentes idades”, explicam os responsáveis da mostra em comunicado.
Nesta abordagem à vida e obra de Sérgio Godinho o seu trabalho para os mais pequenos não foi esquecido, com uma secção dedicada às crianças, centrada nas suas canções para a série Os amigos de Gaspar, nos seus textos da Árvore dos Patafúrdios e nos livros A Caixa, O Pequeno Livro dos Medos e O Primeiro Gomo da Tangerina.

Acompanha a exposição um catálogo com fotografias e ilustrações, que inclui também textos inéditos de Sérgio Godinho, Nuno Galopim, Anabela Mota Ribeiro, Jorge Palma, Capicua, João Paulo Cotrim, Nuno Artur Silva, Viriato Teles e João Carlos Callixto.

A exposição pode ser visitada de terça a sexta feira, das 9h30 às 12h00 e das 14h00 às 16h30. Aos sábados, domingos e feriados, mediante marcação. A entrada é livre.

E ainda um vasto programa de iniciativas sobre a obra de Sérgio Godinho, até outubro.

Programa Já Divulgado:

30 de Abril – 21h30, no Cine Granadeiro – Auditório Municipal – espectáculo O Elixir da Eterna Juventude – Canções de Sérgio Godinho revisitadas por Artistas de Cá (jovens artistas de Grândola, interpretam temas de Sérgio Godinho em grupo, em dueto e a solo, de vários quadrantes musicais -Metal, hip-hop, DJ’s, guitarra, acordeão e Coro Juvenil).

16 de Maio – 15h30 – Biblioteca Municipal – Encontro/conversa de Sérgio Godinho sobre a sua escrita com alunos e docentes de Português dos 10º e 11º anos de Grândola.

16 de Maio – 18h30 – Biblioteca Municipal – Apresentação do novo romance de Sérgio Godinho Coração Mais Que Perfeito.

Deixar uma resposta