Festival Materiais Diversos Regressa A Minde Em Setembro

Regressa de 14 a 23 de setembro naquela que será a nona edição do Festival Minderico, um evento dedicado às artes como a dança, música contemporânea e teatro com presença.

Embora ocorra na Vila de Minde, no concelho de Alcanena e se estenda à cidade do Cartaxo a Associação Materiais Diversos (AMD) até à data do festival continuará em articulação com os municípios, agentes e habitantes locais atuando em rede e, embora mantenha sempre a programação com os municípios de Alcanena e Cartaxo, vai dinamizar artisticamente outras localidades. Desta forma irá promover, dentro e fora do país, a criação de programas e atividades que permitam o acesso à arte e que promovam a participação comunitária – numa óptica de atracção das regiões bem como dos mais conhecedores aos artistas de diversas áreas do mundo das artes performativas.

No que diz respeito aos projectos estreados pelo Festival Materiais Diversos esperam-lhes outros palcos do país pois sem este apoio alguns artistas não teriam as mesmas condições para elevar as suas criações – recorrendo assim a residências artísticas, formações e intercâmbios.

Relativamente ao Festival Materiais Diversos está já anunciado Gatilho da Felicidade de Ana Borralho & João Galante no Cineteatro São Pedro, em Alcanena, como sendo o espectáculo para a abertura da edição de 2017. Neste 15 jovens detentores de um jogo de perguntas sobre o conceito de felicidade, a sua variação de valor e forma de pessoa para pessoa e as influencias que recebe pelo consumismo e cultura de massas fazem deste um momento esperado.

Com um programa intenso de espectáculos, entre os quais duas estreias absolutas, o evento irá dinamizar a Comunidade Artística Emergente possibilitando a formação alternativa para estudantes através de aulas diárias lecionadas por artistas participantes e que vão estar abertas ao público em geral. Encontros temáticos e as Noites Longas são momentos esperados nos quais a música se apodera do palco e a pista de dança numa parceria com o Festival Bons Sons.

O Festival Materiais Diversos nasceu em 2009 na vila de Minde e desde ai tem expandido a sua atuação por outras localidades, levando às populações projectos artísticos assinados por jovens criadores e artísticas nacional e internacionalmente consagrados. Como se situa fora dos grandes centros, acaba por simbolizar a criação e descentralização artística com mais de 120 espectáculos, 790 artistas e 52 mil espectadores somados nas oito edições. Uma iniciativa da Associação Materiais Diversos. Esta corresponde e uma associação cultural sem fins lucrativos, fundada por Tiago Guedes e com direcção atual de Elisabete Paiva. Surgiu em 2003 com o objectivo de sensibilizar o público para as artes performativas, através de uma investigação e experimentação artísticas.

Se se manter como edições passadas os bilhetes normais rondam os 6 euros, com possível desconto para maiores de 18, e maiores de 65, estudantes e pessoas com mobilidade reduzida. Podem ainda ter novamente os bilhetes de grupo ou o passe de total acesso aos espectáculos.

Deixar uma resposta