Festa Cinema Francês arranca amanhã em Lisboa

O Cinema francês faz a festa pelo país durante o próximo mês. De 7 de Outubro a 9 de Novembro, em Lisboa, Almada, Porto, Guimarães, Faro e Coimbra, a 11ª edição da Festa do Cinema Francês propõe uma programação de 125 sessões de cinema, concertos, ateliers, debates e encontros com personalidades da 7ª arte francesa.

Organizada anualmente pelo Instituto Franco-Portugês, a Festa do Cinema Francês oferece, de primeiras obras de jovens realizadores a obras-primas de conceituados cineastas, um vasto leque de filmes de todos os géneros (drama, comédia, documentário, animação, etc). Surge a oportunidade de ver em antestreia vinte longas-metragens da melhor e mais recente cinematografia francesa. De entre estas antestreias, o público elege um filme para a atribuição do Prémio do Público, contribuindo para a sua difusão nas salas de cinema portuguesas.

Mas não só de estreias vive a Festa, pois as retrospectivas são um dos fortes do certame. E para os mais pequenos, a Festinha propõe a descoberta de filmes de animação para ver em família.

A Festa terá pela primeira vez, uma madrinha excepcional numa secção especial: Sandrine Bonnaire, grande actriz do cinema francês, acompanha o festival e escolhe filmes que de alguma forma marcaram a sua carreira, apresentando nomeadamente La Ceremonie de Claude Chabrol, A Nos Amours de Maurice Pialat e Sans Toit Ni Loi de Agnès Varda.

Celebra-se também o regresso de Pierre Étaix e do seu universo burlesco, apresentando pela primeira vez em Portugal, em cópias restauradas, cinco longas e três curtas deste invulgar artista.

De André Téchiné, grande mestre do cinema que marcará presença na Festa, apresenta-se uma retrospectiva integral (com os seus trabalhos mais famosos bem como alguns inéditos entre nós), a par de uma carta branca na qual partilhará alguns dos seus filmes de eleição.

Um dos mais conceituados festivais de curtas-metragens, Sauve qui peut le court-métrage de Clermont-Ferrand, também  estará presente com uma selecção de filmes premiados nas suas várias edições.

Das 20 longas-metragens inseridas na programação principal destacam-se Micmacs à tire-larigot de Jean-Pierre Jeunet, 36 vues du Pic Saint Loup de Jacques Rivette, Le Refuge de François Ozon, Le Concert de Radu Mihaileanu, Gainsbourg, vie héroïque de Joann Sfar, Des Hommes et des dieux de Xavier Beauvois, L’Illusioniste de Sylvain Chomet, e Hors la loi de Rachid Bouchareb.

Realça-se a presença em grande escala dos intervenientes dos filmes, como Jane Birkin (actriz de 36 vues du Pic Saint Loup), Caroline Bottaro (realizadora de Joueuse), Andréa Kiss (realizadora de O Ratinho Mentiroso), Pascal Chaumeil (realizador de L’Arnacoeur), Julie Lopes-Curval (realizadora de Meres et Filles), Jean Becker (realizador de La Tete en Friche), Aleksei Guskov (actor  de Le Concert), Louis-Do de Lencquesaing (actor de Le Pere de mes enfants), Louis-Ronan Choisy e Melvil Poupaud (actores de Le Refuge), entre outros.

Estão ainda disponíveis programações paralelas, na FNAC (ciclo de primeiros filmes de jovens realizadores franceses) e RTP2 (longas-metragens francesas aos sábados em Sessão Dupla e especiais Onda Curta com programação francesa), e a presença de artistas, encontros, concertos (como o do violinista Nicolas Krassik), ateliers, e outras surpresas.

A 11ª edição da Festa do Cinema Francês arranca em Lisboa, onde decorrerá de 7 a 16 de Outubro no cinema São Jorge, Instituto Franco-Português e Cinemateca Portuguesa. Segue depois para Almada (13 a 17 de Outubro no Fórum Romeu Correia), Porto (19 a 24 de Outubro nos Cinema Passos Manuel, Teatro do Campo Alegre e Biblioteca Municipal Almeida Garrett), Guimarães (21 a 24 de Outubro no Centro Cultural Vila Flor), Faro (24 a 31 de Outubro no Teatro Municipal de Faro) e Coimbra (3 a 9 de Novembro no Teatro Gil Vicente).

Por Sara Peralta

Deixar uma resposta