Faianças Bordallo Pinheiro lançam TOMA, Moody’s

TOMA, Moody’s é a mais recente criação das Faianças Bordallo Pinheiro, numa reinterpretação  e actualização para os tempos actuais da famosa personagem Zé Povinho, criada por Rafael Bordallo Pinheiro em 1875 e que, desde então, se tornou elemento simbólico dos sacrifícios e injustiças impostos ao povo português.

A estatueta “TOMA, Moody’s” está à venda em duas versões, desde 22 de Julho, em todo o país, nas lojas Vista Alegre Atlantis e na loja Bordallo Pinheiro nas Caldas da Rainha.

O Zé Povinho responde assim à Moody’s com um manguito, na sua boa tradição, demonstrando o descontentamento pela diminuição do rating da dívida portuguesa, para a categoria de “lixo”.

A Moody’s é, assim, o alvo desta figura típica da cultura nacional, que pretende servir de bandeira daquilo que vai na alma de todos os portugueses, cansados de serem “vítimas” de decisões destas agências norte-americanas, em atitudes que roçam o “terrorismo económico”, pois de um minuto para o outro, deitam por terra os esforços do governo e das pequenas e médias empresas portuguesas para subsistirem e fazerem face aos desafios de uma economia global.

Texto por Clara Inácio

Deixar uma resposta