Fado dá mote a Festival de Cinema no Cinema S. Jorge e no Museu do Fado

O Cinema São Jorge e o Museu do Fado promovem até dia 5 de Julho um Festival de Cinema dedicado ao Fado,  paralelamente à exposição consagrada à relação entre o Fado e o Cinema, patente no Páteo da Galé, integrando as grandes referências da ficção histórica, do documentário ou de curtas-metragens. 

O Fado está intimamente ligado à época de ouro do cinema nacional das décadas de 30, 40 e 50. Desde o primeiro filme sonoro português com A Severa, de Leitão de Barros, de 1931 e A Canção de Lisboa, de Cottinelli Telmo, de 1933, até à profusão de documentários desde a morte de Amália Rodrigues. Também muitos realizadores estrangeiros descobriram o Fado e o introduziram nos seus filmes, como O Fado de Maurice Mauriad de 1923; Os Amantes do Tejo de Henri Verneuil de 1954; Hollywood em 1956 revela ao mundo Lisboa, Sintra e Cascais a cores e o filme Lisbon de Ray Milland, apresenta Anita Guerreiro com o tema Lisboa Antiga. Já em 2012 surge o documentário Fado de Aurélio Vasques e Sofia Portugal, que  procura captar a essência do fado, nas palavras dos seus protagonistas.
 
Programação:
 
CINEMA SÃO JORGE
 
25 de Junho
19h00 O Fado de Maurice Mariaud
22h00 Fado, História de Uma Cantadeira de Perdigão Queiroga
 
26 de Junho
19h00 Canção de Lisboa de Cottinelli Telmo
22h00 Lisbon de Ray Milland
 
27 de Junho
19h00 Fados de Carlos Saura
22h00 Fado de Aurélio Vasques e Sofia de Portugal 
 
28 de Junho
19h00 A Severa de Leitão de Barros
22h00 Capas Negras de Armando Miranda
Saem 3 Fados para a Mesa 3!
Show Case de Fados 
 
De 24 a 28 de Junho, pelas 20h30, no Café do Cinema, os clássicos do Fado no Cinema com:
24 de Junho – Gisela João
Guitarra – Ricardo Parreira
Viola – Marco Oliveira
Baixo – Francisco Gaspar
 
25 de Junho – Cristiana
Guitarra – Mário Pacheco
Viola – Guilherme Carvalhais
 
26 de Junho – Anita Guerreiro
Guitarra – Rodolfo Godinho
Viola – Paulo Ramos
 
27 de Junho – Tânia Oleiro
Guitarra – Pedro Castro
Viola – Jaime Santos
 
28 de Junho – Marco Rodrigues (voz e viola)
Guitarra – Eurico Machado
Baixo acústico – André Moreira
 
MUSEU DO FADO
1 de Julho
19h00 The Art of Amália de Bruno de Almeida
22h00 Com que Voz de Nicholas Oulman
 
2 de Julho
19h00 Mariza No Palco do Mundo de Ivan Dias
22h00 The Story of Fado de Simon Broughton
 
3 de Julho
19h00 Fados de Carlos Saura
22h00 Fado de Aurélio Vasques e Sofia de Portugal
 
4 de Julho
19h00 O Rei Sem Coroa de Diogo Varela Silva
22h00 Fado Celeste de Diogo Varela Silva
 
5 de Julho
19h00 Não Sei Se Canto Se Rezo de Ivan Dias
22h00 Um Legado Português de Ivan Dias
 
Texto de Clara Inácio

Deixar uma resposta