Alice reeditada pela Europa-América com ilustrações de John Tenniel

Alice No País das Maravilhas e Alice do Outro Lado do Espelho são as duas obras da autoria de Lewis Carroll, que as Publicações Europa-América reeditam agora, por ocasião do lançamento do filme de Tim Burton, com ilustrações originais de John Tenniel.

Alice no País das Maravilhas conta a história de Alice e da sua viagem a um fantástico mundo povoado por estranhas criaturas quando persegue um Coelho Branco e cai na sua toca. Alice cruza-se então com o Chapeleiro Louco, o gato Cheshire e a terrível Rainha de Copas, personagens ora encantadoras ora cruéis ou simplesmente bizarras como as aventuras de Alice.

Alice do Outro Lado do Espelho, publicado em 1872, narra o regresso da jovem ao país encantado da sua primeira aventura, onde desta vez encontrará personagens como Humpty Dumpty, Tweedledee e Tweedledum.
Num quente mês de Março, Alice brinca com as suas gatas quando se pergunta como será o mundo do outro lado do espelho. Para sua grande surpresa, descobre que tem o poder de atravessar um espelho e descobre um livro misterioso que só pode ser lido pelo seu reflexo. Quando atravessa o jardim das flores vivas, Alice encontra a Rainha Preta e depara-se com um grandioso jogo de xadrez em que ela terá de participar.

Lewis Carroll (pseudónimo do matemático Charles Lutwidge Dodgson) escreveu as aventuras de Alice em 1865, inspirado em Alice Pleasance Liddell (uma menina de 10 anos) e nas suas duas irmãs, filhas de Henry George Liddell, à época vice-reitor da Universidade de Oxford).

De inspiração serviram também aventuras e histórias da época, a matemática, a sociedade vitoriana de então, o ambiente de Oxford, entre muitos outros factos que inspiraram as aventuras de “Alice” e dos seus amigos.

Para além destas obras, Lewis Carroll escreveu também poemas e canções, onde surgem personagens como o Jabberwocky (o terrível dragão que Alice tem de defrontar).

Os livros estão cheios de histórias, mitos, e símbolos escondidos, a sua excentricidade desde logo cativou pequenos e graúdos em todo o mundo, estando traduzido em mais de 125 línguas, e adaptado para cinema, televisão, teatro, banda desenhada e animação.

Em Portugal existe também uma versão em audio-guia, de livro + 2 cds, narrado por Mafalda Lopes da Costa, numa edição das 101 Noites.

Por Elsa Furtado

Deixar uma resposta