Eleição das 7 Maravilhas Naturais de Portugal em contagem decrescente para o final

Texto de Elsa Furtado
Fotos Canela & Hortelã (Antónia Barroso, César Baptista, Elsa Furtado, Francisco Lourenço, Isabel Baptista, Sara Santos e Vanessa Teixeira)

A contagem decrescente para se ficar a conhecer as 7 maravilhas naturais de Portugal está a acabar, o anúncio vai ser feito no próximo sábado, 11 de Setembro, nas Portas do Mar em Ponta Delgada, numa gala que vai ser transmitida em directo pela RTP e que vai contar com a presença de Mariza e Pauleta, padrinhos da iniciativa.

A votação vai decorrer até ao próximo dia 7 de Setembro, e até lá vai ser possível votar numa das 21 maravilhas a concurso, em sete categorias distintas: Zonas Marinhas; Grutas e Cavernas; Praias e Falésias; Florestas e Matas; Grandes Relevos; Zonas Protegidas e Zonas Aquáticas não Marinhas, via internet no site das 7 Maravilhas, no Facebook das 7 Maravilhas, por sms e por telechamada.

As 21 paisagens naturais a votos, estão distribuídas pelas regiões do Norte, Centro, Lisboa e Vale do Tejo, Alentejo, Algarve, Açores e Madeira (havendo representantes de todas as regiões do país), e são na categoria de Florestas e Matas: Floresta Laurissilva – Madeira, Mata Nacional do Buçaco, Paisagem Cultural de Sintra – Património da Humanidade, na categoria de Grandes Relevos, os nomeados são Paisagem Vulcânica da Ilha do Pico, Parque Natural da Arrábida e Vale Glaciar do Zêzere.

Na categoria de Grutas e Cavernas as finalistas são Algar do Carvão – ilha Terceira, Açores, Furna do Enxofre e Grutas de Mira de Aire, já na categoria de Praias e Falésias os finalistas são Pontal da Carrapateira, Portinho da Arrábida e Praia do Porto Santo, na Madeira.

Na categoria de Zonas Marinhas os nomeados são Arquipélago das Berlengas, Ponta de Sagres e Ria Formosa, já na categoria de Zonas Não Marinhas os nomeados são Lagoa das Sete Cidades – S. Miguel, Açores; Portas de Ródão e Vale do Douro.

Na categoria de Zonas Protegidas as finalistas são o Parque Nacional da Peneda-Gerês, o Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina e a Reserva Natural da Lagoa do Fogo.

Promover as paisagens naturais existentes em Portugal, de norte a sul do país e também nas ilhas, alertar para a necessidade da preservação da natureza e para a sustentabilidade ambiental, numa altura em que se assinala o Ano Internacional da Biodiversidade, são alguns dos objectivos da iniciativa, que tem como inspiração a natureza.

“Queremos conseguir a preservação do ambiente através da eleição das 7 Maravilhas Naturais de Portugal, e também trazer o tema da preservação para cima da mesa”, afirmou ao C&H Luís Segadães responsável das New 7 Wonders Portugal, por altura da apresentação dos embaixadores do projecto, em Maio passado, no Algar do Carvão, na ilha Terceira.

E chamar à atenção para a natureza e para o seu estado foi uma das tarefas de Mariza, “Eu estou muito contente com o convite, e é para mim um enorme prazer estar aqui para chamar à atenção e ajudar a preservar as belezas naturais de Portugal”, disse na mesma altura ao C&H a artista de cariz internacional.

Uma opinião partilhada pelo internacional português, Pauleta, natural dos Açores, que confessou ao C&H estar muito orgulhoso e contente com o convite. “Foi com grande orgulho que aceitei o convite de embaixador da iniciativa e divulgar as belezas naturais de Portugal”.

Foi também aos dois embaixadores que coube a tarefa de apresentar a “tábua dos 7 mandamentos”: 1-Planear; 2- Escolher; 3- Respeitar; 4- Proteger; 5-Aprender; 6-Colaborar e 7-Divulgar.

Para ajudar a chamar à atenção e promover cada candidata, as respectivas regiões escolheram também padrinhos e madrinhas conhecidos do grande público, como por exemplo Tim, Rui Veloso, Lúcia Moniz ou o Maestro António Vitorino de Almeida.

As sete maravilhas vencedoras vão ser conhecidas já no próximo dia 11, numa gala que vai ser transmitida em directo na RTP, a televisão oficial da iniciativa. Cada uma das sete maravilhas vencedoras vai receber um troféu, criado propositadamente para esta eleição, da autoria da SPAL.

A eleição das 7 Maravilhas Naturais de Portugal conta com o apoio do Governo Regional dos Açores e da Associação de Turismo dos Açores, do Instituto do Turismo de Portugal, Ministério do Ambiente, Instituto de Conservação da Natureza, entre outras instituições ligadas ao ambiente e à natureza e antecede a eleição das “7 Maravilhas da Natureza do Mundo®”, que vai decorrer em 2011, na qual a região do Douro Vinhateiro foi a paisagem portuguesa a ir mais longe, ficando entre os 77 finalistas.

Veja aqui ainda: Açores é a região que domina as nomeações das 7 Maravilhas Naturais

“Açores 2010” – gala em directo na RTP

Maravilhas nomeadas por categoria: Florestas e Matas

Grandes Relevos

Grutas e Cavernas

Praias e Falésias

Zonas Aquáticas não Marinhas

Zonas Marinhas

Zonas Protegidas

Deixar uma resposta