Editora Quetzal lança A Balada de Johnny Sosa de Mario Delgado Aparaín

1-A Balada de Johnny Sosa

A Editora Quetzal publicou este mês mais uma novidade literária; trata-se de A Balada de Johnny Sosa do uruguaio Mario Delgado Aparaín, um clássico contemporâneo da literatura latino-americana traduzido por Margarida Amado Costa que traz uma história cativante e cheia de humor.

Durante a ditadura uruguaia, o negro Johnny Sosa, um humilde cantor de blues da cidade de Mosquitos, revela um ato de coragem inimaginável para os que julgam conhecê-lo – e que acabará por converter-se num belíssimo canto à dignidade humana.

O romance A Balada de Johnny Sosa ganhou o Prémio de Literatura de Montevideu em 1988 e foi publicado em Espanha e traduzido no Brasil, Holanda, França, Itália, Alemanha, Portugal e Grécia. Tem 112 páginas e o preço de venda ao público é de 13,30 euros.

Texto de Joana Resende

Deixar uma resposta