Conto inacabado de Sophia de Mello Breyner Andresen concluído pelo neto chega agora às livrarias

A Porto Editora publicou recentemente Os Ciganos, um conto inédito de Sophia de Mello Breyner Andresen que foi descoberto no seu espólio em 2009. A história encontrava-se inacabada e o neto da escritora, o jornalista Pedro Sousa Tavares, encarregou-se de o terminar.

O livro conta com as ilustrações de Danuta Wojciechowska e inicia-se com uma Nota de Edição da autoria de Maria Andresen de Sousa Tavares. Para que o público possa distinguir que parte do texto corresponde a cada autor, a primeira parte do texto encontra-se impressa a azul, correspondendo ao original da escritora, enquanto a segunda parte, do seu neto, está editada a preto.

A personagem principal deste conto é Ruy, um rapaz que vive numa casa que não lhe parece ser sua. Há muitas regras, muitas rotinas, tantas que nem mesmo o jardim que rodeia a casa consegue ser suficientemente grande para que se sinta livre.

Contudo, num daqueles dias de primavera que caem lentamente ao som do baloiçar das folhas, Ruy é surpreendido pelo rataplã de um tambor que o desafia a saltar o muro do jardim e a percorrer os campos até se abeirar de um acampamento de ciganos. Com eles acaba por ficar e, inspirado pelo espírito indomado de Gela, uma rapariga cigana de olhos cor de avelã, vai descobrir o prazer de sentir o chão debaixo dos pés, enfim, vai experimentar a liberdade pela qual sempre suspirou.

Os ciganos, de Sophia de Mello Breyner Andresen e Pedro Sousa Tavares, Porto Editora, com 64 páginas, à venda por 16,92 euros.

Deixar uma resposta