Ciência Viva chega aos Castelos e Muralhas do Mondego

Ciência Viva chega aos Castelos e Muralhas do Mondego, uma  iniciativa que visa promover passeios científicos em torno dos castelos e fortalezas que marcaram a história do nosso país.

Os Castelos e Muralhas do Mondego vão receber a Ciência Viva em cinco monumentos: Montemor-o-Velho (29 de julho), de Pombal (4 de agosto), de Soure (5 de agosto), de Miranda do Corvo (1 de setembro) e nas Torres de Coimbra (8 de setembro).

Os Castelos e Muralhas do Mondego recuperam a antiga Linha Defensiva do Mondego após a reconquista de Coimbra em 1064, para salvaguardar a sua defesa.

O desafio apresentado aos visitantes é um jogo de descoberta em cada “Castelo”, permitindo a descoberta das diferentes ciências escondidas nos monumentos, com a ajuda de especialistas.

As sessões nos Castelos de Soure e de Pombal serão dinamizadas pela Associação Portuguesa dos Amigos dos Castelos. As restantes pela Agência para o Desenvolvimento dos Castelos e Muralhas Medievais do Mondego. As atividades nos Castelos de Penela e de Montemor-o-Velho serão ainda seguidas por sessões de astronomia.

A participação requer inscrição prévia.

Texto de Clara Inácio

Deixar uma resposta