Cascais recebe o XI Congresso Internacional de Reabilitação do Património Arquitetónico e Edificado

Cascais vai ser palco do XI Congresso Internacional de Reabilitação do Património Arquitetónico e Edificado, de 12 a 14 de Julho. A iniciativa vai decorrer no  Palácio da Cidadela de Cascais, no Centro Cultural de Cascais, entre outros. O congresso vai juntar mais de 130 investigadores, de cerca de 25 países, para debaterem o futuro do Património  Arquitetónico e Edificado.

A iniciativa conta com o Alto Patrocínio do Presidente da República Portuguesa, Aníbal Cavaco Silva, e do rei de Espanha, Juan Carlos. O congresso é promovido pelo Centro Internacional para la Conservación del Patrimonio – CICOP, cuja sede da delegação portuguesa se situa em Cascais. O evento conta com a parceria da Câmara Municipal de Cascais e do Instituto de Cultura e Estudos Sociais.

Centrado em dois módulos temáticos: Conservação do Património e  Inovação e Novas Tecnologias, o programa dá especial enfoque ao Património Ibérico, dando conta da evolução do conceito de Património Cultural, integrando hoje a paisagem (património natural), os costumes e as tradições (património imaterial).

Acontecem ainda seis seminários internacionais e dois workshops, coordenados por investigadores portugueses de relevo, nomeadamente Raquel Henriques da Silva, Simonetta Luz Afonso, Graça Filipe e Victor Mestre.

Destaca-se a conferência inaugural pelo engenheiro espanhol Manuel Fernández Cánovas, que se tem diferenciado no estudo das patologias em estruturas em betão, no Palácio da Cidadela de Cascais, bem como a conferência no dia 13 de julho, pelo engenheiro italiano Gianluigi Collaluci, responsável pela intervenção de conservação e restauro na Capela Sistina no Museu do Vaticano, que coordena no mesmo dia o seminário Restauro e Conservação de Pintura Mural.

Assinala-se ainda a entrega dos Prémios Internacionais do CICOP a sete personalidades de relevo na área da salvaguarda do Património, no dia 13 de julho.

Texto de Clara Inácio 

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.