Cascais apresenta Temporada de Ópera

Arranca dia 30 de novembro a Temporada de Ópera no Teatro Gil Vicente, em Cascais, para durar até 15 de dezembro.

Esta temporada vem contribuir para uma mais ampla difusão deste género musical junto do público. Há sempre duas sessões para cada espetáculo, um dos quais foi particularmente concebido para o público infantil e juvenil. É promovida pela Câmara Municipal de Cascais.

A temporada compõe-se de três espetáculos, num total de seis sessões. Dia 30 de novembro e 1  de dezembro, às 21h30 é A Criada Patroa, pela Companhia Vizid’arte. A 1ª parte – árias e duetos de óperas de compositores do séc. XVIII e a 2ª parte – Intermezzo cómico A Criada Patroa de Giovanni Battista Pergolesi.

A 8 e 9 de dezembro é a vez do espetáculo infanto-juvenil, a A Bruxa Catipela Companhia Ópera do Castelo. Vai ser um concerto encenado para voz lírica e música electro-acústica. A direção cénica e dramaturgia´é de Caroline Bergeron, com música original de Simão Costa.

Que seria de nós se não fossem as bruxas, são elas que nos assustam e fascinam quando pequenos. Sem bruxas a nossa imaginação e a nossa personalidade ficariam muito mais pobres, elas personificam a nossa loucura, a nossa capacidade de transformar, a nossa capacidade de fazer magias…

 

O último espetáculo da temporada é Uma Noite em Viena – Gala de Ópera nos dias 14 e 15 de dezembro, pelas 21h30. Este concerto leva o público a percorrer o mundo da ópera nas suas mais belas páginas de árias e duetos: La Traviata, Rigoleto, Barbeiro de Sevilha, Carmen, La Bohème, As Bodas de Fígaro chegando ao mundo da Opereta Vienense com Viúva Alegre, O Morcego, uma noite única de emoção e dramatismo vocal e teatral. As vozes são de Teresa Cardoso Menezes, como soprano; Luís Rodrigues, como barítono e Francisco Sassetti ao piano.

Os bilhetes variam entre três e cinco euros.

Texto de Clara Inácio

Deixar uma resposta