Carlos do Carmo celebra 45 anos de Carreira com “Fado Maestro” em Palco e em CD

Carlos do Carmo, o grande senhor do Fado, celebra este ano 45 anos de carreira, para assinalar o feito, o artista lançou um best off de toda a sua carreira, FADO MAESTRO, editado pela Universal Music, ao mesmo tempo vão decorrer vários concertos comemorativos.

O primeiro dos concertos de aniversário teve lugar no Salão Preto & Prata, do Casino do Estoril, a 3 de Outubro, no qual o artista homenageou alguns dos músicos com quem partilhou os palcos ao longo da sua carreira.

António Vitorino de Almeida, o espanhol António Serrano, José Maria Nóbrega, Joel Pina, José Fontes da Rocha e a Sinfonietta de Lisboa foram alguns dos músicos que acompanharam Carlos do Carmo nesta noite tão especial, com direito a placa comemorativa e tudo.

O próximo concerto é no sábado, dia 29 de Novembro, no Pavilhão Atlântico, desta vez a noite é entre colegas e família, numa gala a favor da Voz do Operário.

Camané, Carminho,
Mariza, Bernardo Sassetti, a cantora basca Maria Berasarte, a Sinfonietta de Lisboa e Gil do Carmo – o filho, que vai ajudando a perpetuar o sobrenome do Carmo, no mundo da música, são alguns dos artistas que vão ajudar o senhor “charmoso” a celebrar mais uma noite de aniversário.

“Gaivotas”, “Por Morrer Uma Andorinha”, “Lisboa Menina e Moça”, “Os Putos” e o “Fado da Saudade”, são alguns dos temas memoráveis que compõem este CD duplo, com DVD, e que vão ser lembrados e cantados nos concertos ao vivo.

Fados antigos, fados novos, uns mais conhecidos do que outros, cantados por Carlos do Carmo ou por outros nomes da música portuguesa, que o fadista tanto aprecia e gosta de partilhar com os seus fãs, numa homenagem à língua portuguesa, num disco que vai ficar para a história da vida do fadista e da música portuguesa, pela sua beleza, melodia e poesia.


Uma homenagem e papel devidamente reconhecidos, no recentemente remodelado Museu do Fado, casa da qual Carlos do Carmo é um dos consultores e uma presença assídua, com os seus fados e o seu sentir, agora guardados para sempre em suporte digital.

por Elsa Furtado

Deixar uma resposta