BES Arte & Finança apresenta exposição dedicada a John Cage a partir de dia 13 de setembro

John Cage, o legendário compositor norte-americano vai ter uma exposição dedicada ao seu centenário no BES Arte & Finança, já a partir de 13 de setembro, com inauguração marcada para as 19h00.

Emanuel Dimas de Melo Pimenta, autor brasileiro e curador da exposição, foi amigo de Cage ao longo dos seus últimos sete anos de vida e irá tocar a peça 4’33” no dia da inauguração. Lucrezia De Domizio, a Baronesa Durini, personalidade reconhecida da arte contemporânea, fará uma breve conferência sobre John Cage e Joseph Beuys, também no dia da inauguração.

A mostra contará com fotografias de John Cage realizadas por fotógrafos de oito países: Christopher Felver, Joann Baker, Jack Mitchell, Jed Downhill, Jay Eerson e Lawrence Ivy dos Estados Unidos; Roberto Mazzotti da Itália; Lorenzo Bianda da Suíça; os legendários fotógrafos japoneses Akira Kinoshita e Yashuiro Yoshioka; Manfred Leve da Alemanha; Marc Ginot de França; Flávio Matangrano do Brasil e Hans Wild de Inglaterra. Contará também com todos os livros escritos por John Cage desde o seu primeiro trabalho publicado em 1959 assim como com partituras gráficas originais do compositor, com vários livros escritos sobre ele, algumas edições musicais e um filme realizado em 1986 pela artista plástica Regina Vater, com uma entrevista com Cage.

De destacar o único ensaio fotográfico existente sobre a casa de Cage – o célebre loft onde se encontravam Robert Rauschenberg, Allen Ginsberg e Jasper Johns entre outros – realizado por Pimenta em 1988.

Será ainda apresentado o livro do autor Emanuel Pimenta, John Cage – O Silêncio da Música, lançado recentemente em segunda edição, e dois novos livros do mesmo autor, John Cage: Koan da Não-Violência e John Cage: Como Mudar o Mundo, os três editados em Português e em Inglês.

A exposição, apoiada pela John Cage Trust e pela Cunningham Foundation, tem entrada gratuita.

Texto de Joana Resende

 

 

 

 

Deixar uma resposta