Avenida Q – A Rua Mais Divertida Para Se Morar

Não é o Egas nem o Becas, o Gualter ou o Monstro das Bolachas, são o Luís e a Marta Monstro, a Maria e o Tozé, o Félix, o Trekkie, a Paula Porca, ou o Pequeno Saúl, e mais alguns outros, juntos eles formam o grupo de amigos que mora na tão especial Avenida Q, e que fazem deste espetáculo indubitavelmente um dos grandes fenómenos da época teatral.

Divertida, bem disposta, com uma linguagem atractiva (nem sempre politicamente correta) e interpretações frescas, numa combinação entre atores e bonecos, esta é uma peça que toca alguns assuntos mais sensíveis e que afectam os jovens entre os 20 e os 30, mas não só.

Aqui fala-se de desemprego, de sexualidade, de relacionamentos, de racismo e preconceitos, de sonhos e do futuro e também da amizade, tudo com uma linguagem descontraída e às vezes menos recomendada para ouvidos e mentes mais sensíveis.

Em palco está um elenco jovem e muito divertido, cheio de caras conhecidas da televisão, composto por Ana Cloe, Diogo Valsassina, Gabriela Barros, Inês Aires Pereira, Manuel Moreira, Rodrigo Saraiva, Rui Maria Pêgo, Samuel Alves, Artur Guimarães, Luis Neiva e André Galvão, são também eles que dão voz e vida aos bonecos – os verdadeiros protagonistas desta peça.

O espetáculo é da autoria de Robert Lopez, Jeff Marx, Jeff Whitty e conta com encenação de Rui Melo, tradução e adaptação de texto de Henrique Dias, e direcção musical de Artur Guimarães.

Classificado para maiores de 16 anos (nós não recomendamos para menos), o musical pode ser visto até 2 de abril, na Sala Principal do Teatro da Trindade Inatel, de quarta a sábado às 21h30 e domingo às 16h30.

Os bilhetes estão à venda no local e online e custam entre 12 euros a 18 euros.

Deixar uma resposta