Amarelinho – Um Herói Fofo E De Penas Amarelas

Ele é tímido, inocente, um pouco medroso, mas muito fofo, ele é Amarelinho, o novo herói de animação criado pelos TO Studio de Paris, cujas aventuras chegam hoje às salas de cinema nacionais e que prometem fazer as delícias de miúdos e também dos graúdos. 

Este é um filme que fala de sonhos, de coragem e acima de tudo de acreditar em nós próprios e naqueles que amamos, mesmo que o mundo pareça estar todo contra nós.

Título: Amarelinho
Título Original: Yellowbird
Género: Animação
Realizador: Christian De Vita
Vozes V.P.: Pedro Leitão, Sofia Brito, Tiago Peralta

Sinopse:

AMARELINHO é a primeira animação em 3D produzida pela equipa da TO Studio de Paris.
Esta é a viagem de um herói… O mais improvável dos heróis… Amarelinho é um passarinho pequenino que jamais imaginaríamos a liderar toda uma família de pássaros em migração. Um pássaro que nunca deixou o ninho e que não tem família, Amarelinho decide criar a sua própria família!
Esta é a estória de um herói que procura uma família à qual possa chamar sua. O mais improvável dos heróis, Amarelinho é um passarinho pequenino que jamais imaginaríamos a liderar toda uma família de pássaros em migração; um pássaro que nunca deixou o ninho e que não tem família, para além de uma deveras astuta Joaninha, a sua melhor amiga.
Amarelinho cai do ninho e perde a sua família no exato momento em que descobre o mundo. Ele é adotado pela Joaninha que o cria num abrigo abandonado na floresta. Sem qualquer outro pássaro como referência, Amarelinho tem receio de se aventurar e voar pelo mundo fora.
Num dado Outono a Joaninha consegue faze-lo sair de casa para procurar uma bolota, supostamente herdada da sua avó e que muito significado teria para ela. Amarelinho aventura-se hesitantemente na floresta, onde tropeça em Darius, que se encontra mortalmente ferido. Darius é o patriarca de uma família de pássaros migratórios que está prestes a partir para a sua migração de Inverno.
Amarelinho testemunha, impotente, as lágrimas da família de Darius… Quando Joaninha, no entanto, lhes diz que Darius escolheu Amarelinho para os conduzir até África ele pouco faz nada para retificar o engano. O grupo está pronto a partir, debaixo do olhar ciumento de Karl, que não consegue compreender a razão pela qual Darius não confiou nele. Absolutamente irritado, protestando e resmungando, Karl segue o grupo em migração.
Na primeira noite da jornada para África o grupo para em Paris. Enc

Deixar uma resposta