9ª Edição do Cool Jazz encerra no Domingo

Reportagem de Elsa Furtado (Texto) e FM (Fotos)

Depois de várias semanas a trazer música aos jardins de Oeiras à noite (Parque dos Poetas e Jardim Marquês de Pombal), eis que chega ao fim mais uma edição do EDP Cool Jazz Fest – a 9ª, que guardou para a reta final o concerto de Pablo Alborán e Carminho no sábado, dia 21 e no dia 22, para encerrar Pat Metheny Unity Band e convidados.

Entre os vários músicos que passaram por Oeiras, destaque para Sting, que teve honras de abertura e para a Orquesta Buena Vista Social Club, que teve como figura de destaque a lendária Omara Portuondo.

Presença habitual em Portugal, a mítica banda cubana e Omara regressam ao nosso país quase todos os anos para concertos que encantam os fãs e não deixam os seus créditos por mãos alheias, tendo repetido o sucesso no passado dia 4 de julho, no Parque Marquês de Pombal, em frente à Câmara Municipal de Oeiras.

Foram muitos os que rumaram junto ao jardim e esperaram pacientemente pela subida dos ritmos cubanos ao palco.  Temas como “El Carretero”, “Rincon Caliente”, “Santa Lucia”, “Bombon de Pollo”, “El Bodeguero” e “El Carbonero” e “Candela”,  fizeram as delícias dos fãs.

Mas quem pôs o público a dançar e animou mesmo as hostes foi a lendária Omara, com “3 Palabras”, “No Me Llores Mas” e “Chan Chan”, que a rainha da  música cubana intercalou e brincou com versos de “Uma Casa Portuguesa”, numa homenagem a Amália Rodrigues.

O concerto continuou em bom ritmo, entre Salsas, Merengues e Danzóns, com a lua brilhante a iluminar os jardins e o público entusiástico.

Para este fim-de-semana os ritmos latinos regressam com Pablo Alborán e Carminho e domingo é a vez de Pat Metheny Unity Band com Chris Potter, Antonio Sanchez & Ben Williams, encerrarem esta 9ª edição, a partir das 22h00, no Jardim Marquês de Pombal.

Os bilhetes variam entre os 25 euros e os 60 euros e estão à venda nos locais habituais. A abertura das portas está marcada para as 19h00 no sábado e às 21h00 no domingo. A produção é da responsabilidade da Música no Coração.

   

Deixar uma resposta