3 Actores à Procura de um Papel está em cena na Comuna

3 Actores à Procura de um Papel está em cena na Comuna – Teatro de Pesquisa para uma curta série de espectáculos em Lisboa, apenas até dia 29. Conta com a interpretação de João Cabral, Oceana Basílio e Ângelo Torres, o texto é de Joaquim Paulo Nogueira, que também encena com Jorge António. 3 Actores à Procura de um Papel traz-nos cinco pequenos contos teatrais que abordam a morte, a política, a identidade de género, a música, a crise financeira e social, que se interligam através da história de 3 actores que se encontram para fazerem um casting público.

Três actores, que não se conhecem, entram para uma sala para realizarem um casting público. Num primeiro momento medem-se e estão receosos. Uma voz off explica o jogo e as regras: os actores vão ter de entrar em cinco cenas, onde representam personagens diferentes que lhes são atribuídasem segredo. Aolongo do tempo em que estão juntos vão começar a cruzar as suas histórias de vida e a sofrerem influência dos personagens que representam. Surgem vários tipos, entre os quais um corrector da bolsa, um desempregado, uma doente de cancro em estado terminal, um professor que é despedido porque inicia um processo de mudança de identidade sexual, um jovem que vai estudar para Teerão e que supostamente irá infiltrar-se numa rede terrorista. Por outro lado eles, como actores, também têm diferentes maneiras de viver a precariedade da sua profissão e isso reflecte-se nas suas atitudes durante o casting.

O  texto foi construído a partir de um desafio do Jorge António, tendo logo como ideia João Cabral, Oceana Afonso Basílio e Ângelo Torres para interpretarem as personagens.

O texto aposta numa pequena unidade dramática próxima do conto teatral, onde cada história é autónoma e as ligações são quase imperceptíveis. Os momentos de representação são fixos, mas os momentos de intervalo entre a representação do casting é aberta à improvisação dos actores. A produçã é de Jorge António e MUKIXEM 16.

3 Actores à Procura de um Papel em cena na Comuna – Teatro de Pesquisa, na Sala das Novas Tendências, até 29 de Janeiro, de quinta a sábado, às 21h30 e domingo às 16h00. A peça segue para a Casa de Artes de Arcos de Valdevez, dia 17 de fevereiro, às 21h30, no Teatro de Vila Real, dia 2 de março, às 21h30 e no Nacional Cine Teatro Angola, nos dias 30 e 31 de março, às 21h30.

Texto de Clara Inácio

 

Deixar uma resposta